Cassilândia Notícias

Cassilândia Notícias
Cassilândia, Sexta, 23 de Abril de 2021
Envie sua matéria (67) 99266-0985

Geral

Comitê da Covid-19 de Cassilândia publica manifesto; confira

Manifesto é assinado pelo Coordenador do Comitê, Reverendo Gilbean Francis Aguiar Ferraz.

Redação - 04 de dezembro de 2020 - 10:25

Comitê da Covid-19 de Cassilândia publica manifesto; confira

O Comitê de Combate a Covid-19 instituído no Município de Cassilândia, que hoje tem a Coordenação do Reverendo Gilbean Francis Aguiar Ferraz, emitiu nesta manhã, um manifesto sobre a situação da Covid na cidade. Confira a íntegra do documento:

MANIFESTO DO COMITÊ DA COVID-19


Sabemos que estamos vivendo uma grave Pandemia do Corona Vírus, que desde dezembro de 2019 tem assolado o mundo, e desde março de 2020, a nossa nação. Infelizmente milhões de pessoas foram contaminadas e perderam suas vidas em 2020. Reconhecemos que os desafios são imensos para as autoridades públicas, da área da saúde e para a Sociedade Civil. Em especial na cidade de Cassilândia, MS, em virtude de a Pandemia não ter acabado, e de existir uma possibilidade de uma 2ª onda de contaminação e óbitos queremos manifestar publicamente como Comitê do COVID-19:

1. Nosso reconhecimento e aplausos aos profissionais de saúde da rede pública e privada, homens e mulheres, Secretaria de Saúde, Vigilância em saúde, médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem, administrativo, limpeza, agentes de saúde, laboratoristas, motoristas das ambulâncias, funerárias, agentes da Vigilância, enfim, todos que direta ou indiretamente tem se esforçado, se arriscado e se dedicado, pelo bem da população e prevenção do COVID-19 em nossa cidade;

2. Reconhecemos o esforço em parte da Sociedade Civil (escolas, faculdades, comércios, igrejas e religiões), que abriram mão de certos direitos e privilégios, que tiveram até mesmo prejuízos econômicos, sociais e emocionais, dando sua parcela de contribuição na prevenção ao longo deste ano;

3. Reconhecemos o esforço do Poder Executivo em tentar ações de prevenção e ao mesmo tempo, manter a cidade aberta e funcionando. Como Comitê temos consciência da dedicação do Secretário de Saúde José Lourenço e toda sua equipe da Secretaria de Saúde, e Prefeito Jair Boni, em pensar na saúde, e também na economia de nossa cidade. Ouvindo os diversos seguimentos ao longo deste ano. Sendo isso, sempre um grande desafio;

4. Entendemos que os decretos que estavam em vigor até o fim de novembro de 2020, não deveriam ser revogados agora, pois ainda não temos a tranquilidade da população estar imunizada diante do Corona Vírus. Sendo a revogação pelo Poder Executivo, sem ouvir o Comitê, um risco muito grande de acontecer o estrangulamento da rede de saúde. Por isso, que se mantenham os decretos que estavam em vigor até novembro de 2020, até a chegada da imunização por vacina, ou um remédio que comprovadamente combata o vírus;

5. Como membros do Comitê, instituído por decreto municipal, registramos que o mesmo não tem sido consultado em todas as decisões frente e referente ao Covid-19. Entendemos que um Comitê dessa magnitude, envolvendo toda Sociedade Civil, instituído por decreto municipal, recomendado pelo Ministério da Saúde, deveria estar à frente do enfrentamento do vírus e de todas as decisões (ser consultado). Neste ano houve inúmeras decisões, decretos, encaminhamentos sem a participação do Comitê. Diante de uma possível segunda onda, recomendamos que o Comitê seja acionado para cumprir sua função;

6. Que a população colabore com a prevenção e não propagação do vírus. Cada cassilandense entenda que a Pandemia ainda não acabou. Que o vírus é real. Como Comitê entendemos que cada popular de Cassilândia deve fazer sua parte, evitando aglomerações, utilizando máscara, fazendo a devida higienização. A saúde do município e estado do Mato Grosso do Sul, não tem estrutura de absorver todos os enfermos de covid-19 ao mesmo tempo. E dado a facilidade de contaminação, um estresse da rede pode acontecer a qualquer momento, significando que pessoas que amamos, convivemos, conhecemos podem vir a morrer sem assistência hospitalar, respirador, UTI, e etc.

7. Que se intensifique pelo Poder Executivo ações de conscientização, que se mantenham as limpezas das vias públicas, que as equipes de fiscalização atuem no município e que se tenha um protocolo de atendimento, medicamentoso e de prevenção, otimizado, eficiente e que seja de conhecimento de toda população.

Nosso desejo como Comitê é que esta Pandemia do Corona Vírus chegue ao fim. Que possamos retomar nossas vidas e o progresso de nossa cidade. Sabemos que os desafios são grandes. E o objetivo deste manifesto é expressar nossa preocupação junto ao Poder Público e Sociedade Civil Organizada. E dizer que a batalha ainda não terminou. Que cabe a todos nós, como cidadãos e cidadãs desta amada cidade, juntos, nos esforçarmos pelo bem de nossa população.

Cassilândia, 04 de dezembro de 2020

Reverendo Gilbean Francis Aguiar Ferraz
Coordenação do Comitê COVID-19
Manifesto elaborado e aprovado pelo Comitê Covid-19