Cassilândia Notícias

Cassilândia Notícias
Cassilândia, Sexta, 14 de Junho de 2024
Envie sua matéria (67) 99266-0985

Geral

China amplia mercado para carnes de aves do Brasil

28 de junho de 2006 - 07:58

A China habilitou 14 novos estabelecimentos brasileiros produtores de carne de aves. Com isso, sobe para 24 o número de plantas de abate autorizadas a exportar para aquele país. A informação é da Secretaria de Relações
Internacionais do Agronegócio (SRI) do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa). As novas indústrias ficam nos estados de Mato Grosso do Sul, Minas Gerais, Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul. Somente dois frigoríficos - um em Goiás e outro em São Paulo - estavam exportando para a China. Os chineses estudam a possibilidade de autorizar mais duas outras plantas de abate de aves, em Santa Catarina e São Paulo.

Entre os dias 7 a 20 de março, uma missão chinesa inspecionou dois frigoríficos no Rio Grande do Sul, três em Santa Catarina e três no Paraná, considerando-os aptos para exportação. Com base em informações recebidas da
Secretaria de Defesa Agropecuária do Mapa, durante a visita ao Brasil, a comitiva chinesa habilitou outros 14 estabelecimentos. "Demos as garantias de que esses frigoríficos apresentam o mesmo padrão de qualidade daqueles visitados" explica o diretor do Departamento de Assuntos Sanitários e Fitossanitários do Mapa, Odilson Ribeiro.

A China foi o terceiro mercado para os produtos do agronegócio brasileiro no ano passado, atrás apenas da União Européia, e dos EUA. De 2000 a 2005, as exportações para aquele destino cresceram cerca de 480%. No ano passado, o Brasil exportou aproximadamente US$ 80 milhões em carne de frango in natura apara aquele país. Uma variação de 132% superior ao exportado em 2004. Nos últimos anos, a China tem ocupado uma posição cada vez mais relevante para o comércio exterior brasileiro. Em 2005, atingiu U$ 12,2 bilhões, crescimento de 33,2% sobre o ano anterior.

Fonte: Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento

SIGA-NOS NO Google News