Cassilândia, Sábado, 03 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

30/08/2004 08:29

Vôlei ganha ouro e muitos títulos individuais

Comitê Olímpico Brasileiro

ATENAS (29.08) - Foi uma vitória incontestável. O Brasil bateu a Itália por 3 sets a 1 (25/15, 24/26, 25/20 e 25/22) na final do torneio de vôlei dos Jogos de Atenas, neste domingo, 29, em 1h37 de jogo. Giba foi o maior pontuador da partida, com 20 pontos, e, logo no primeiro set, mostrou por que seria eleito por jornalistas o jogador mais valioso (MVP) da competição. Ele fez de tudo: marcou dois pontos em ataques, um de bloqueio e outro com um ace, além de defesas de bolas praticamente perdidas. Foi o set mais fácil para o Brasil, que abriu 22/13 com ataques certeiros de André Nascimento e Gustavo e um ótimo entrosamento entre bloqueio e defesa. Do outro lado, os italianos não se acertaram em quadra, cedendo 10 pontos em erros para o Brasil.

A história da segunda parcial foi diferente. A Itália cresceu em volume de jogo e teve em Andrea Sartoretti uma referência ofensiva - o italiano marcou oito pontos (sete de ataque e um de bloqueio). O Brasil chegou a ter 8/5 no início do set, mas cedeu o empate em 12/12, com um ataque de Giba bloqueado. O placar ficou apertado até o fim. Quando estavam ganhando por 24/25, os italianos bloquearam um ataque de Dante e fecharam a parcial em 26 minutos.

"É sempre muito difícil jogar contra os italianos, mas nós conseguimos acalmar nossos nervos rapidamente durante a partida. Isso facilitou para a gente", comentou Giba.

Um ace de Gustavo no terceiro set mostrou sorte de campeão. A bola bateu na fita e pingou no chão do lado italiano - 13/9 para o Brasil. Forçando o saque para desestabilizar o passe italiano, os brasileiros conseguiram outros quatro aces - mais dois de Gustavo, um de André Nascimento e um de Giba, que fez 24/18. Com larga desvantagem no fim do set, a Itália ainda conseguiu marcar dois pontos em contra-ataques, mas perdeu a parcial, em 24 minutos, com um erro de saque de Luigi Mastrangelo.

No quarto set, o Brasil se mostrou concentrado desde o início. Consegui abrir 8/6 com um ataque de Giba do fundo da quadra. Depois, foi para o segundo tempo técnico com 16/15 no placar, após um ataque de André Nascimento. A Itália ainda empatou em 18/18, com um erro de Giba no saque. Mas, em seguida, o Brasil abriu três pontos, com André Heller explorando o bloqueio adversário, um bloqueio de Anderson em cima de Mastrangelo e um erro do ataque italiano. A Seleção administrou a vantagem. Antes do último ponto, Rodrigão entrou no lugar de Ricardinho na rede. Dante sacou e, depois do ataque italiano, fez a defendesa. Gustavo levantou para Giba, que atacou. A bola voltou fácil para a quadra brasileira. Anderson passou para Gustavo, que levantou para Giba mais uma vez. Ele atacou e Damiano Pippi tocou na antena - 25/22, depois de um mini rali.

"Foram quatro anos de trabalho lutando por esse dia. Considero isso o melhor momento da minha vida. Tenho uma filha (Nicolle nasceu no último dia 18), minha família tem saúde e fui premiado com essa medalha e o prêmio de melhor jogador. Tudo o que um homem quer é sucesso na vida pessoal e profissional, e isso eu consegui", disse Giba, emocionado ao lembrar do momento da entrega de medalhas. "É uma emoção inexplicável ver a bandeira do Brasil mais no alto. O povo é muito sofrido e, antes do jogo, fico olhando para a bandeira e prometendo que vou dar meu 100% para levá-la ao alto do pódio. Conseguimos".

Além do título olímpico, os jogadores da Seleção Brasileira masculina de vôlei deixaram os Jogos de Atenas com alguns títulos individuais. Em oito jogos, Dante teve eficiência de 44,29% no ataque, maior índice entre os jogadores do torneio. O segundo lugar na lista dos atacantes mais eficientes ficou com o também brasileiro André Nascimento, com 41,83%.

Sérgio foi eleito o melhor líbero da competição e, com média de 68,25% de passes excelentes na recepção, liderou o ranking dos melhores passadores dos Jogos. Já Giovane e Maurício deixaram a capital grega como bicampeões olímpicos - feito que apenas Adhemar Ferreira da Silva, Torben Grael e Marcelo Ferreira atingiram.


Cecília Lima, da Assessoria de Imprensa do COB Textual, em Atenas

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 03 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
06:50
Loterias
Sexta, 02 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
Quinta, 01 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)