Cassilândia, Sexta-feira, 23 de Junho de 2017

Últimas Notícias

22/04/2004 14:43

União reduz em 46% recursos destinados ao FAT em MS

Dourados News

Pelo segundo ano consecutivo, o governo federal reduz, desta vez em 46%, os recursos do FAT (Fundo de Amparo ao Trabalho) destinados a Mato Grosso do Sul.

Segundo o diretor-presidente da Funtrab (Fundação de Trabalho de Mato Grosso do Sul), Ananias Costa, o Estado pleiteava R$ 1,5 milhão, mas a União só deve liberar, a partir da segunda quinzena de maio, R$ 800 mil.

Com o corte, a meta de trabalhadores a serem atendidos, com cursos de qualificação de mão de obra, também será drasticamente reduzida, revela Ananias, admitindo que pelo menos mil pessoas vão ficar de fora dos programas. Com a previsão inicial seriam atendidos 3 mil trabalhadores e a reserva anunciada só atinge de 1,6 mil a 2 mil no máximo.

No ano passado, Mato Grosso do Sul só recebeu, já no final do ano, R$ 575 mil dos R$ 3 milhões reivindicados.
Ananias diz que a procura por cursos de preparação da mão de obra é cada vez maior, principalmente por conta dos novos empreendimentos que estão se instalando no Estado. Mas, afirma o diretor da Funtrab, “é preciso dividir responsabilidades” e a iniciativa privada, que precisa de mão-de-obra, também deve promover a capacitação.

“As empresas se instalam com novas tecnologias e totalmente informatizadas. A qualificação precisa ser um processo constante”, diz.



Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 23 de Junho de 2017
Quinta, 22 de Junho de 2017
10:00
Receita do Dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)