Cassilândia, Domingo, 04 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

25/04/2005 09:31

Trabalhadores em educação viajarão para Brasília

Fetems

Nesta quarta-feira, dia 27, trabalhadores de todo o Brasil participam da 6ª Semana Nacional em Defesa e Promoção da Educação Pública, promovida pela CNTE – Confederação Nacional dos Trabalhadores em Educação. Uma delegação de, aproximadamente, 280 professores, funcionários administrativos e trabalhadores aposentados em educação de Mato Grosso do Sul, participa da paralisação nacional e da Marcha sobre Brasília, que são mobilizações programadas durante a 6ª Semana Nacional em Defesa e Promoção da Educação Pública.
Na ocasião, a CNTE vai propor a conversão da dívida externa em recursos para a educação. No dia 27, a mobilização vai incluir, além da paralisação nacional e da marcha sobre Brasília, a coleta de assinaturas em apoio à proposta com o objetivo de “exigir que o governo adote a proposta e implemente políticas públicas que assegurem uma educação pública de qualidade, a garantia do direito de acesso e permanência na escola, a implementação do Fundeb e a valorização profissional”.
De acordo com a direção da CNTE, a visão legalista sobre a dívida externa, isto é, sendo dívida, deve ser paga, “contrapõe-se à necessidade urgente de garantir o investimento no desenvolvimento das políticas sociais a fim de contribuir para a estabilidade econômica e política, bem como para o progresso científico e social” . Segundo a CNTE, o uso de recursos da conversão da dívida para a educação “é um direito legítimo do povo brasileiro, por ser uma dívida imoral, ilegítima e que já foi paga”.
Para a presidente da Fetems - Federação dos Trabalhadores em Educação de Mato Grosso do Sul –, Mara Eulália Carrara da Silva, a importância da 6ª Semana Nacional em Defesa e Promoção da Educação Pública está centrada no envolvimento de toda a sociedade com as questões e problemas relativos à educação pública no país. “Não podemos tratar a educação como gasto, mas como investimento e esse encontro vai apresentar propostas para alcançar esse objetivo”.
A delegação de Mato Grosso do Sul, composta por trabalhadores de todos os municípios do Estado, vai ser liderada pela Fetems e pelas regionais de Dourados, Campo Grande, São Gabriel do Oeste, Nova Andradina, Maracaju e Ponta Porã.
Programação:

25/04

DIREITO À EDUCAÇÃO
Eixos:

Acesso e permanência em todos os níveis e modalidades
Reforma Universitária
Gestão Democrática / Controle Social

Atividades:
Coletiva a Imprensa (Abertura da semana)
Debate nas escolas

26/04
A VERDADEIRA DÍVIDA É COM A EDUCAÇÃO
Eixos:

Dívida Externa (combate à pobreza)
OMC, ALCA (Tratados econômicos e de serviços)

Atividades:
Panfletagens
Coleta de assinaturas para a Campanha de Conversão da Dívida
Ações nas Assembléias Legislativas e Câmaras de Vereadores/as
Abordagem aos parlamentares nos aeroportos.

27/04
MAIS RECURSOS PARA A EDUCAÇÃO PÚBLICA DE QUALIDADE

Eixo:
Financiamento para Educação Pública.

Atividades:
Paralisação Nacional
Marcha Nacional em Brasília-DF
Coleta de Assinaturas para a Campanha de Conversão da Dívida

28/04

FUNDEB – Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação Básica

Eixos:
Percentual de investimento do PIB em educação
Plano Nacional de Educação da sociedade
Valor mínimo do FUNDEF

Atividades:
Discussão no local de trabalho com a comunidade escolar.

29/04
VALORIZAÇÃO PROFISSIONAL

Eixos:
Piso Salarial Profissional Nacional - PSPN
Formação inicial e continuada
Carreiras – professores e funcionários
Condições de trabalho
Impactos da Reforma Sindical

Atividade:
Atividades culturais: exposição, teatro, filme, dança, música etc.
Coletiva a Imprensa no local do evento.
Outras informações sobre a 6ª Semana Nacional em Defesa e Promoção da Educação Pública, na Fetems, pelo fone: (67) 382.0036 ou nos sites: www.fetems.org.br ou www.cnte.org.br



Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 04 de Dezembro de 2016
09:00
Maternidade
Sábado, 03 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
06:50
Loterias
Sexta, 02 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)