Cassilândia, Domingo, 15 de Setembro de 2019

Últimas Notícias

02/09/2018 18:00

Servidor da PRF é preso em serviço suspeito de desviar produtos apreendidos

G1MS

Um servidor da Polícia Rodoviária Federal (PRF) de Mato Grosso do Sul foi preso em flagrante nessa sexta-feira (30), em Dourados, a 230 km de Campo Grande, suspeito de desviar mercadorias estrageiras apreendidas durante fiscalizações realizadas pela instituição.

Segundo a PRF, o servidor trabalhava na delegacia de Dourados da Superintendência Regional da Polícia Rodoviária Federal no estado. Com ele foram apreendidos 20 itens.

De acordo com o órgão, o homem irá responder pelo crime de peculato, que é o funcionário público apropriar-se de dinheiro, valor ou qualquer outro bem móvel, público ou particular, de que tem a posse em razão do cargo, ou desviá-lo, em proveito próprio ou alheio.

Em nota, a PRF informou que a ação repressiva foi desenvolvida pela Corregedoria Regional-MS e pela Delegacia da cidade e que buscam incessantemente a mudança de atitude dos policiais da PRF. Sendo que nem os demais servidores e nem a sociedade toleram mais quaisquer desvios de conduta que denigram a imagem da instituição.

Apreensões de mercadorias
Segundo a Receita Federal (RF) e a PRF, diariamente são apreendidos mercadorias sem a prisão de quem sonega o tributo. Nesse caso, o crime seria descaminho e não contrabando. Para ser preso, é necessário que o valor da mercadoria passe dos R$ 20 mil.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 15 de Setembro de 2019
Sábado, 14 de Setembro de 2019
20:45
Loterias
10:00
Receita do Dia
09:00
Santo do Dia
Sexta, 13 de Setembro de 2019
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)