Cassilândia, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

19/04/2004 16:51

Seguridade aprova criação do Disque-Idoso

Agência Câmara

As pessoas com mais de 60 anos podem vir a contar com um "Disque-Idoso". A Comissão de Seguridade Social e Família aprovou, por unanimidade, na quarta-feira (14), o Projeto de Lei 1996/03, da deputada Lúcia Braga (PT-PB), que institui o programa.
O objetivo é prestar atendimento a denúncias de maus-tratos e violência contra os idosos a partir de 60 anos. A matéria recebeu parecer pela aprovação do relator, deputado Manato (PDT-ES).

Violência
Pesquisa realizada por entidades que atendem pessoas da terceira idade indicam que, em 2002, pelo menos 15 mil brasileiros com mais de 60 anos foram espancados, torturados, induzidos ao suicídio ou abusados sexualmente. Cerca de 1/3 dos idosos atendidos por hospitais públicos foram vítimas de algum tipo de agressão, sendo que, na maioria dos casos, a agressão parte de familiares.
O autor do projeto lembra que, muitas das vezes, o agressor fica impune porque a vítima tem medo de denunciar e sofre ameaças, como a de ser mandada para um asilo.
Um outro estudo realizado pelo Conselho Nacional de Igrejas Cristãs do Brasil (Conic), em parceria com a Pontifícia Universidade Católica de São Paulo (PUC-SP), aponta que os moradores das regiões metropolitanas de São Paulo, Recife e Rio de Janeiro colocam entre as principais formas de desrespeito à dignidade humana os maus-tratos a idosos, o preconceito racial e a criminalidade.

Reforço
O relator da proposta na comissão, deputado Manato, ressalta que o Governo Federal, por meio da Secretaria Especial de Direitos Humanos da Presidência da República, anunciou a criação de uma central telefônica, com a denominação de Disque Direitos Humanos, para receber denúncias de violência contra pessoas idosas. "A proposição vem conferir apoio legal a essa iniciativa da União, tornando-a explicitamente um programa voltado para as pessoas maiores de 60 anos", explica o deputado.
O relator afirma ainda que diversos municípios e estados têm criado números telefônicos para combater a impunidade e possibilitar um atendimento mais eficaz à população idosa. De acordo com Manato, apesar de todos os esforços para garantir mais dignidade aos idosos, os casos de abuso continuam acontecendo. "O número de ocorrências de maus-tratos vem aumentando, principalmente nos grandes centros urbanos", enfatizou.

O projeto, que tramita em regime conclusivo, será apreciado agora pela Comissão de Constituição e Justiça e de Cidadania, antes de ser encaminhado ao Senado Federal.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)