Cassilândia, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

15/02/2005 16:51

Rebanho vetado em MS tem 10 milhões de cabeças

Fabiana Silvestre e Marina Miranda/Campo Grande News

Cerca de 10 milhões de cabeças de gado, de mamando a caducando, poderiam ser exportadas caso não houvesse embargo da missão européia à carne sul-matogrossense. A estimativa é do delegado da DFA (Delegacia Federal da Agricultura), José Antônio Roldão. Segundo ele, o rebanho está nos 14 municípios onde a exportação está impedida. “É um prejuízo muito grande. Temos que mostrar à missão européia que o Mato Grosso do Sul não tem nada que sustente a manutenção ao veto”, diz.
Conforme Roldão, à época do embargo, em 1992, era “difícil controlar” a disseminação da febre aftosa. “No Pantanal, inclusive, havia animais suscetíveis à doença. Hoje a realidade é outra, mas infelizmente o mercado europeu colocou a restrição e só ele pode retirar”, afirma.
O delegado espera que a certificação do Paraguai – que faz fronteira seca com MS – como área livre da febre aftosa, prevista para maio, colabore para fim do embargo à carne do Estado. Roldão reitera que a vacinação é o melhor instrumento de combate à doença e informa que a DFA está avaliando a possibilidade de doar vacinas para a Bolívia.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)