Cassilândia, Sexta-feira, 09 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

05/10/2006 19:32

Queda do boeing: não há previsão de término das buscas

Queda do boeing: não há previsão de término das buscas
05 de outubro de 2006 - 17h45

Uma semana após o Boeing 737-800 da Gol cair no Nortão, não há previsão de conclusão dos trabalhos de buscas entres as aldeias Kapoto e Metrutkire, há 220 km de Peixoto de Azevedo. Cinquenta e oito corpos já foram resgatados: 2 no domingo, 16 na segunda-feira, na terça-feira não houve resgate e 40 foram localizados e levados para a Fazenda Jarinã na quarta-feira.

O último traslado para Brasília foi hoje à tarde. Um Búfalo da FAB - Força Aérea Brasileira levou 20 corpos com as respectivas fichas contendo os dados levantados pelos legistas do Instituto DNA de Brasília. O Tenente-coronel Feijó, do setor de Comunicação da FAB confirmou ao Só Notícias que ainda não há previsão para conclusão das buscas. No final da tarde dessa quinta-feira, um helicóptero trouxe mais corpos. A quantidade não foi confirmada. Primeiro os legistas vão separá-los para confirmar o número exato de despojos.

O médico legista Aluisio Trindade Filho, do Instituto DNA, explicou ao Só Notícias que o trabalho de coleta de material biológico para DNA e impressões digitais que está sendo feitos na fazenda são fundamentais para identificar as vítimas. "Se esse trabalho não fosse feito agora, iria demorar muito ainda a identificação das vítimas. Esse trabalho que estamos fazendo aqui na fazenda facilita a identificação no IML", afirmou.

A equipe é composta por 5 legistas, um perito e um papiloscopista de Brasília e um perito criminal de Mato Grosso. "Vamos trabalhar até resgatar o último corpo" garantiu. Só Notícias verificou que cerca de 100 militares trabalham nas buscas, com apoio de militares do Corpo de Bombeiros de Sinop e de outras cidades, bem como da Defesa Civil.

A estrutura da Fazenda Jarinã tem sido fundamental para A FAB fazer os trabalhos de buscas. A pista de pouso da fazenda é usada por aviões de grande e médio porte da FAB, bem como pelos helicópteros que transportam material para a equipe de resgate. Se não fosse essa disponibilidade da fazenda, as aeronaves teriam que se deslocar até base aérea da Serra do Cachimbo, que fica há 280 km.

Fonte: Só Notícias/Marcos Azevedo enviado especial à Fazenda Jarinã

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 09 de Dezembro de 2016
Quinta, 08 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
Quarta, 07 de Dezembro de 2016
20:20
Loteria
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)