Cassilândia, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

22/03/2005 08:06

Picarelli oficializa pedidos de esclarecimento a CPI

assessoria

O Presidente da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que investiga causas e responsabilidades sobre o elevado índice de desnutrição e mortalidade infantil indígena nas aldeias de Mato Grosso do Sul, deputado estadual Maurício Picarelli (PTB) oficializou na tarde de 21 de março (segunda-feira) solicitação de algumas secretárias de Estado, cópia do Convênio N.º 004/03 para o Programa Fome Zero indígena, que tem por objeto a execução de ações estruturantes nas comunidades indígenas, com vistas à superação da situação de insegurança alimentar e sustentabilidade de suas famílias.

Um relatório detalhando os recursos aplicados, oriundos do Convênio devem ser encaminhados a Comissão. As secretarias solicitadas são: Secretaria de Educação, Saúde, Cultura, Juventude Esporte e Lazer, Trabalho e Assistência Social, bem como também da Coordenadoria Especial de Políticas Públicas da Mulher, do Diretor Presidente do Idaterra, Humberto de Melo Pereira e do Diretor Presidente da Funtrab (Fundação do Trabalho), Alberto de Matos Oliveira.

Picarelli como presidente da CPI, encaminhou também ofício ao Sr. Gaspar Hickmann, Coordenador Regional da Funasa, dados esclarecedores sobre o quadro demonstrativo de gastos com a saúde indígena. O prefeito de Dourados, José Laerte Tetila (PT) também receberá ofício com as questões que foram levantadas pelos deputados que compõe a Comissão no dia 14 de março, em audiência naquele município.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 18 de Dezembro de 2017
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)