Cassilândia, Domingo, 04 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

11/03/2009 09:53

PF: 102 mandados de prisão contra traficantes de animais

Cristiane Ribeiro, ABr

Rio de Janeiro - A Polícia Federal realiza desde o início da manhã de hoje (11) uma operação para desarticular uma quadrilha internacional de traficantes de animais silvestres para o exterior e para o comércio em feiras livres no Rio de Janeiro. Várias pessoas já foram detidas e estão sendo levadas para a Superintendência da Polícia Federal no Rio de Janeiro.

De acordo com nota divulgada pela Polícia Federal, estão mobilizados 450 agentes para cumprir 102 mandados de prisão e 140 de busca e apreensão no Pará, Maranhão, em Sergipe, na Bahia, em Minas Gerais, no Espírito Santo, em São Paulo, no Rio Grande do Sul e Rio de Janeiro.

A operação foi batizada de Oxóssi em homenagem à divindade africana que representa o protetor dos animais e das matas. Agentes federais também buscam integrantes da quadrilha em Portugal, na Suíça e República Tcheca.

De acordo com a nota da Polícia Federal, as investigações da Operação Oxóssi começaram em janeiro do ano passado e apontam que os envolvidos chegavam a comercializar 500 mil animais por ano. Entre as espécies mais negociadas estão diversos tipos de aves, cobras, onças-pintadas, veados-mateiros e macacos-prego. No Rio de Janeiro, os animais eram vendidos nas feiras de Honório Gurgel e Areia Branca e em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense.

Segundo a Polícia Federal, os envolvidos no esquema são acusados de crime ambiental, receptação, contrabando e formação de quadrilha.

Mais detalhes da Operação Oxóssi serão divulgados em entrevista coletiva marcada para às 11h na Superintendência da Polícia Federal no Rio.



Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 04 de Dezembro de 2016
Sábado, 03 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
06:50
Loterias
Sexta, 02 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)