Cassilândia, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

28/10/2015 07:45

Padre não gostou do que viu na rodoviária e secretária foi agredida

Redação

O padre Antonio Maurilio teve que gritar com pessoas que importunavam passageiros na chegada de um ônibus na rodoviária, contou ontem em entrevista ao programa Rotativa no Ar. Disse que está dificil frequentar o local com a invasão de "pedintes" naquela região. Já foi constatado que a praça Elza Vendrame virou "residência", inclusive os quiosques. A juíza de Direito Luciane Buriasco Isquerdo sugeriu a retirada dos quiosques.

Ninguém tem uma solução para o problema. Pelo menos até agora.

Flávia, funcionária da Igreja Católica, contou que foi agredida verbalmente em seu trabalho por pessoas que, a tudo custo, queriam dinheiro. "Não tinha nada para dar e dei um boné, logo depois chegou outra pessoa pedindo e querendo saber o porquê do outro ter ganhado um boné. Ouvi muitos xingamentos", relatou.

A secretaria do Bem Estar Social Cecilia Imbriani informou que pediu ao CRAS um levantamento das pessoas que estão "morando" nas praças públicas e inclusive debaixo da ponte que dá acesso a Goiás. Com esses dados em mãos pretende se reunir com as autoridades locais para estudar uma ação.

Não concordo com a sugestão da Meritíssima Juíza de Direito, pois se demolirmos os quiosques estaremos jogando dinheiro publico no lixo. Como sugestão minha, penso que a solução é cercar a praça, como foi feito em Campo Grande com a Praça Dr. Ari Coelho de Oliveira e colocar guardas. Depois das 22 ou 23 horas fecha-se ao local. Abraços a todos. Paulo Neres
 
Paulo Neres Carvalho em 28/10/2015 14:53:30
Se fosse somente moradores residindo pela praça, ainda seria tolerante!
a uns dois meses atras, num domingo pela manha havia varios jovens usando e consumindo maconha naquele local, e muito comum jovens consumir maconha na praça Elza Vendrame.
deveira haver mais ronda policial por aquele local.
 
heriton figueiro em 28/10/2015 13:36:53
Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
10:00
Receita do dia
Domingo, 10 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)