Cassilândia, Segunda-feira, 21 de Maio de 2018

Últimas Notícias

17/10/2007 16:15

Oposição no Senado continua contrária à CPMF

Priscilla Mazenotti e Carolina Pimentel /ABr

Brasília - O líder do DEM no Senado, Agripino Maia (AL) não ficou convencido da importância da aprovação da proposta de emenda à Constituição que prorroga a Contribuição Provisória sobre a Movimentação Financeira (CPMF) até 2011.

Ele classificou como "gesto de boa vontade" a visita do presidente da República em exercício, José Alencar, ao Senado, para convencer os parlamentares da necessidade da aprovação da proposta, mas disse que o partido continua contrário à aprovação da matéria.

"A relação com o Legislativo fica oxigenada. Agora, em matéria de argumento, não vi nenhum que me convencesse", afirmou. "Eles têm um pensamento e nós temos outro".

Segundo Agripino Maia, o governo quer que o Senado aprove o mesmo texto que foi aprovado pela Câmara. "O governo foi peremptório. Quer que o texto aprovado na Câmara seja o texto que ele supostamente quer ver aprovado no Senado, para que a matéria não volte para a Câmara e para que a vigência comece em 1º de janeiro. "Não há argumentos que convençam", afirmou.

O líder do PSDB, senador Arthur Virgílio (AM), disse que a reunião não trouxe resultados conclusivos.

"Ficou cada qual na sua posição. Mas o diálogo está aberto, o que é sempre bom", disse.

Ele acrescentou que o partido não abre mão da redução de carga tributária. "Se o governo entende que tem de aprovar [a CPMF] do jeito que veio da Câmara, o PSDB vai se encaminhar para o voto contrário. A palavra está com o governo".



Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 20 de Maio de 2018
15:18
Cassilândia/Itajá
Sábado, 19 de Maio de 2018
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)