Cassilândia, Sexta-feira, 28 de Abril de 2017

Últimas Notícias

24/08/2011 07:51

Oposição na Líbia diz que país não tem estrutura para julgar Khadafi

BBC Brasil

Brasília - Integrantes do Conselho Nacional de Transição (CNT) – controlado pela oposição -, baseado na cidade de Benghazi, já se preparam para a transferência para a capital líbia. O porta-voz do conselho, Hany Hassan Soufrakis, disse que o sistema judiciário da Líbia não está preparado para um eventual julgamento de Khadafi, que deve ocorrer no Tribunal Penal Internacional (TPI) em Haia, na Holanda.

Courtenay Griffiths, que defendeu o ex-presidente da Libéria Charles Taylor no TPI, disse que um eventual julgamento de Khadafi não deve ocorrer antes de quatro ou cinco anos.

O CNT já é reconhecido como governo interino pelos Estados Unidos e por vários países da Europa e do mundo árabe. Também é considerado legítimo como governo interino pela Nigéria, o Marrocos, Iraque, a Grécia, o Egito e Bahrein.

Diferentemente da posição da maioria dos países, o presidente da Venezuela, Hugo Chávez, disse que continuará reconhecendo Khadafi como líder líbio legítimo, expressando solidariedade ao \"povo bombardeado da Líbia\".

O ministro das Relações Exteriores, Antonio Patriota, disse ontem (23) que o Brasil aguardará a posição da comunidade internacional para decidir se reconhecerá a soberania dos rebeldes líbios. Segundo Patriota, o Brasil não teme represálias dos rebeldes às empresas nacionais que atuam na Líbia.

Companhias como a Odebrecht, Queiroz Galvão e Petrobras têm investimentos no país árabe e aguardam o fim dos conflitos para definir ações futuras. Segundo o chanceler, o embaixador do Brasil no Egito, Cesário Melantonio Neto, obteve garantias dos rebeldes de que os contratos firmados pelas empresas durante o governo de Khadafi serão honrados.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 28 de Abril de 2017
Quinta, 27 de Abril de 2017
13:24
Cassilândia
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
06:20
Copa do Brasil
06:11
Loteria
Quarta, 26 de Abril de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)