Cassilândia, Quinta-feira, 06 de Agosto de 2020

Últimas Notícias

17/06/2020 14:00

Operação investiga desvios em construção de estradas em Mato Grosso

Obras realizadas não atendem ao especificado no projeto

Agência Brasil
Operação investiga desvios em construção de estradas em Mato Grosso

A 3ª Fase da Operação Tapiraguaia, que visa reprimir crimes de fraude licitatória, desvio de recursos públicos (peculato) e corrupção ativa/passiva em municípios de Mato Grosso, foi deflagada na manhã desta quarta-feira (17) . Na ação, comandada pela Polícia Federal (PF) com apoio do Ministério Público Federal (MPF) e da Controladoria-Geral da União (CGU), nove medidas cautelares expedidas pela Justiça Federal estão sendo cumpridas na capital mato-grossense Cuiabá e em São Félix do Araguaia e Serra Nova Dourada.

Segundo a PF, em 2014, o município de Serra Nova Dourada firmou convênio com o Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra). O projeto, estimado em cerca de R$ 1,4 milhão, visava à construção de estradas e pontes que beneficiariam o Projeto de Assentamento Bordolândia. Até março de 2017 os serviços não foram concluídos e a parte realizada não atendiam às especificações do projeto básico.

“Tais fatos resultaram em enormes prejuízos ao erário em razão do pagamento de quantidades maiores que as efetivamente executadas. Além disso, novos pagamentos eram feitos à outra empresa contratada, tendo em vista a anterior ter abandonado a obra sem ressarcir os cofres públicos”, informou PF.

Os bens dos investigados foram sequestrados e permanecerão à disposição da Justiça. Além disso, os suspeitos foram afastados de suas funções e estão proibidos de contratar com o poder público.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 06 de Agosto de 2020
11:00
Corrida/Nutrição/Fitness
Quarta, 05 de Agosto de 2020
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)