Cassilândia, Sexta-feira, 09 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

02/04/2010 15:52

ONU defende o fim de preconceitos a pessoas com deficiência

Renata Giraldi, Agência Brasil

Brasília – No Dia Mundial de Conscientização Autismo, o secretário-geral da Organização das Nações Unidas, Ban Ki-moon, pediu a todos que eliminem seus preconceitos e deixem de discriminar as pessoas que sofrem de deficiências. Segundo ele, é o único caminho viável para criar sociedades justas e de solidariedade para que todos possam usufruir dos seus direitos com dignidade.

“O autismo é um distúrbio complexo que não é compreendido o suficiente e que se manifesta de várias maneiras”, lembrou Moon, durante a sessão da ONU que tratou sobre o assunto.

O autismo é resultado de um déficit neurológico que causa impactos em diferentes graus de interação social e comunicação. De acordo com dados da agência norte-americana de autismo, uma em cada 110 crianças é diagnosticada com autismo.

A doença se manifesta de maneira grave e por toda a vida, diz a ciência. Em geral, segundo especialistas, a doença aparece nos três primeiros anos de vida. Dados recentes indicam que é mais comum em bebês do sexo masculino do que no feminino. É encontrado em todo o mundo e em famílias de qualquer configuração racial, étnica e social.

Para a ONU, é fundamental a adesão dos países à Convenção das Nações Unidas sobre os Direitos das Pessoas com Deficiência, em vigor há dois anos, para impedir o preconceito e buscar uma sociedade mais igualitária.

Segundo Moon, a parceria da realização de pesquisas e atividades de reintegração social pode oferecer a proteção e o apoio para as crianças autistas. Com isso ele afirma ser possível que elas sejam “plenamente integradas” na sociedade.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 09 de Dezembro de 2016
Quinta, 08 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
Quarta, 07 de Dezembro de 2016
20:20
Loteria
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)