Cassilândia, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

14/09/2007 09:19

OAB quer que estados avaliem pensão a ex-governadores

Maristela Brunetto - Campo Grande News

Após a decisão do STF (Supremo Tribunal Federal), na quarta-feira, de aceitar o teor de ação direta de inconstitucionalidade e barrar a lei que ressuscitou a pensão a ex-governadores de Mato Grosso do Sul, a OAB (Ordem dos Advogados do Brasil pediu a todas as seccionais que avaliem a situação nos estados, para identificar se há benefícios do mesmo teor. No caso de Mato Grosso do Sul, o conselho da Ordem se reúne no dia 28 para decidir se também contesta outra lei, que garante aposentadoria integral e vitalícia a outros ex-governadores, como Wilson Martins e Marcelo Miranda.

A Adin foi apresentada pelo Conselho Federal da OAB, a pedido da seccional do Estado, contestando especificamente a emenda 29, aprovada no final do ano passado, ressuscitando o pagamento. A medida não surte efeito sobre as demais porque são leis distintas. A anterior tem outros fundamentos a serem analisados.

Ontem, o presidente nacional da OAB, Cezar Britto, fez o pedido às seccionais e pediu resposta com urgência. “A decisão do presidente Cezar Britto de ampliar a abrangência das Adins contra as pensões é uma homenagem à OAB de Mato Grosso do Sul que soube sair na frente, pioneira que é, em busca do direito legítimo de salvaguardar o dinheiro do povo. É a demonstração de que a coragem e a independência da OAB/MS servirão de inspiração para todo o País”, afirmou o presidente da OAB/MS, Fábio Trad.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)