Cassilândia, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

02/07/2004 10:23

OAB devolve ao MEC pedidos de abertura de novos cursos

Agência Brasil

A Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) devolveu ao Ministério da Educação (MEC) vinte processos de pedidos para a abertura de novos cursos de Direito em todo país. Normalmente, o parecer da OAB é anexado aos pedidos que chegam ao MEC com caráter consultivo, mas desde que o ministério paralisou a tramitação dos processos, no início de maio, os documentos ficaram parados na OAB.

“A OAB entendeu que os processos eletrônicos que, atualmente, aguardam manifestação do seu Conselho Federal devem ser interrompidos, retornando, oportunamente a esta casa. Se for o caso, já ajustados às novas disposições sobre a matéria”, diz o ofício encaminhado pela OAB ao Secretário de Ensino Superior (Sesu/MEC), Nelson Maculan.

Na ocasião, o ministério publicou uma portaria suspendendo a abertura de novos cursos de todas as áreas, além de estabelecer critérios mais rígidos para a concessão de autorizações para os cursos de Direito, Medicina, Odontologia e Psicologia.

Dentre o total de processos analisados pela entidade, 40% são de instituições da região Sudeste. O estado de São Paulo é responsável por cinco pedidos, seguido de Minas Gerais com dois e do Rio de Janeiro com uma solicitação. De acordo com as estatísticas da OAB, o estado paulista é o campeão do ranking de abertura de cursos e faculdades privadas de Direito e na última década. Em 1991 havia 35 cursos privados de Direito e treze anos depois o número chega a 119.


Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
10:00
Receita do dia
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)