Cassilândia, Quinta-feira, 14 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

31/01/2014 18:37

O Governo é o problema

Manoel Afonso
O Governo é o problema

ILUSÕES Em ano de eleições presidenciais aumentam as manifestações na mídia sobre o papel do Estado na vida do cidadão. Impressiona a parcela considerável que enxerga o Governo como o grande paizão, o provedor inesgotável.


EQUÍVOCO De todas a frases sobre a questão, a melhor vem de Ronald Reagan ao confessar: “ não espere que a solução venha do Governo. O Governo é que o problema”. Imagine se um presidente brasileiro teria coragem de reconhecer isso!


OBSERVE: No Brasil e demais países da America Latina, os governantes apresentam na teoria um Estado organizado e competente. Desta forma desobrigam a sociedade de pensar, aprimorar e buscar a participação efetiva de cada um no processo.


PATERNALISMO A acomodação nas classes sociais menos favorecidas é crescente. Seus integrantes – beneficiários dos programas sociais – cada vez mais crentes de que ao Estado cabe decidir ou zelar pelas suas vidas e futuro. Beleza pura!


PROBLEMAS Reagan não estava equivocado quando tornou pública sua opinião. O Estado gasta mal porque acostumou-se a arrecadar muito e o gerenciamento não tem a objetividade e o pragmatismo sempre presentes na iniciativa privada.


OBSERVEM: Qualquer governo sempre encontra ou inventa uma necessidade qualquer (um buraco) para gastar o dinheiro que recebe. Daí passa a falsa imagem de que estaria gastando criteriosamente, investindo em prol da população.


REFERÊNCIAS O pai é a bússola para os filhos. Aqui o Estado ‘paizão’ influencia também no comportamento de boa parte da população, que gasta muito e não poupa. Ambos se equivalem em termos de ‘dívida interna’. Ambos inconsequentes.


A PROPÓSITO Como priorizar gastos fantástico em Cuba com tantos pepinos aqui! Copa/Olimpíadas eram indispensáveis? No 6º lugar de IDH contra o 70º do Brasil, a Suécia abriu mão das Olimpíadas de Inverno em 2022. Errados eles?


CONCLUSÃO Ganhe quem ganhar, é preciso dar um basta ou repensar o papel do Estado, cada vez mais gordo, lento e paternalista. As reformas que FHC, Lula e Dilma não fizeram precisam ser realizadas. Ninguém aguenta mais tantos impostos.


ENCRUZILHADA Após passar pelo PDS, PTB, PL – no 5º mandato – por 10 anos presidindo a C.CJ.R e 8 anos a C.A.E.O o deputado Arroyo, caso não seja indicado ao TCE - poderá não disputar a reeleição. Quem o conhece diz: não é blefe.


DR. ODILON Um bom sujeito. Mas o tempo se encarregará de lapidá-lo como exige o cenário político e seus velhos atores. Também verá: tudo que tenha lido sobre a política ainda é muito pouco diante da realidade às vezes cruel, às vezes irônica.

PENSANDO BEM... O cargo de Secretário de Estado iria acrescentar-lhe o que em termos de conquista pessoal? No fundo, no fundo seria ‘xerife’ ao estilo Tuma? Se está querendo tranquilidade não pode errar ao escolher o caminho ou porta.


ESCUTAR... Políticos falam mais que ouvem. Acham que é o caminho para vencer. Conheço poucos que optaram por ouvir: José Ancelmo é um deles. Sua candidatura à AL é viável, em bases sólidas e com espaço disponível também no Bolsão.


PERFIL Conta muito. Nos cargos que ocupou Zé Ancelmo sempre agregou pela postura simples, relação fácil sem estrelismo. A opção pelo PSB é interessante e mostra seu olhar experiente na análise do nosso futuro quadro partidário.


PARTIDO A sua escolha conta muito. Já vimos muitos casos de candidatos com potencial, mas que acabaram prejudicados pela sigla/coligação. Partidos grandes, considerados pesados, são perigosos às pretensões de iniciantes.


DÚVIDAS Embora seja o melhor e único candidato do PT para disputar o governo, Delcídio sofre uma espécie de policiamento dentro do partido. Zeca e seus seguidores cobram necessidade de aval do diretório nas decisões do senador.


ESTRATÉGIA Zeca não quer perder o espaço no PT e bate na tecla: o vice do senador deve ser ligado aos movimentos sociais. Primeiro quer assegurar sua eleição e depois garantir a participação de seu grupo do PT num eventual futuro governo.


SINAIS: Primeiro foi a resistência interna ao convite do senador ao Giroto para ser o vice. Segundo foi no episódio do juiz Odilon, onde aliados de Zeca arrepiaram por conta das notórias divergências entre o magistrado e o ex-governador.


PORTANTO Nem tudo são flores no PT. Há preconceito com alianças/coligações com alguns partidos devido ao temor de se perder espaço. Mas aqui fica a pergunta: os votos seriam hoje por mérito pessoal e carisma de Delcídio ou ainda do PT?


DELCÍDIO Para alguns observadores, ele teria construído ao longo dos anos uma boa relação suprapartidária com lideranças; quebrou velhas resistências ao estigma petista. Em sua campanha pesariam mais sua pessoa e estilo do que o partido?


RISCOS Difícil dizer quem se elege no PT para a Câmara . Mas Vander e Biffi estão em vantagem pela atuação com suas emendas em dezenas de cidades. Zeca já percebeu e se não reverter logo com crescimento, poderá ficar fora inclusive.
DINAMISMO Na política nunca houve tanto. Quem está atento as manifestações na internet percebe a tendência. Portanto, candidato que dormir em cima de louros poderá ter uma desagradável surpresa. É preciso ficar ligado 24 horas por dia.


“Como pode um presidente não ser um bom ator?” (Ronald Reagan)

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)