Cassilândia, Domingo, 20 de Maio de 2018

Últimas Notícias

15/06/2014 19:31

Mulher presa por abandono de filhos diz que sofre ameaças do ex-marido

Campo Grande News

Depois de pagar fiança, foi liberada neste fim de semana a mulher acusada de abandonar os três filhos de 6, 3 e 2 anos. A empregada doméstica, Shirley Martins Pereira, 26 anos, teve de desembolsar um salário mínimo para sair da cadeia.

Sobre o abandono, ela afirma que deixou os filhos na casa da tia do ex-marido, Lioberto Lima Corrêa, depois de ter levado um golpe de faca em uma das mãos, desferido por ele, na sexta-feira (13). Segundo Shirley, ela foi a casa dele buscar algumas roupas, que estão lá desde a separação do casal, há cerca de seis meses.

Apesar da prisão e dela mesma admitir que foi advertida a não ver os feilhos por enquanto, as crianças estão com Shirley, na casa de uma amiga, onde ela está morando atualmente. Segundo a doméstica, foi o próprio Lioberto deixou as crianças lá, por volta das 16h de hoje (15).

Shirley afirma que, na tarde de sexta-feira, deixou as crianças com a tia do ex-marido antes de ir para o posto de saúde, após a facada. Diz que contou com a ajuda de um amigo, que deu carona. Segundo ela, a tia aceitou ficar com as crianças e mais tarde fez denúncia de abandono contra ela, o que resultou na prisãoa mãe, na noite de sexta-feira.

Segundo a doméstica, no momento em que foi agredida pelo ex-marido, ela correu para frente da casa dele e os vizinhos que estavam reunidos na calçada presenciaram a agressão, mas não interferiram. Uma adolescente de 13 anos, diz ter presenciou a briga, confirma a versão de Shiley e diz que acredita que as pessoas não quiseram ajudar porque tiveram medo.

Segundo ela, a menina de um ano que é filha de Shirley, mas não de Lioberto, estava no colo da mãe no momento da agressão. “Eu peguei a neném que estava no colo da Shirley e fui até o orelhão chamar a Polícia”, conta a garota.

Na vizinhança, na Vila Santo Eugênio, ninguém quis dar entrevista sobre o assunto.

“Não é certo ele me esfaquear e eu ser presa. O delegado disse que eu não posso ficar perto dos meus filhos, mas eu quero cuidar deles, pois sempre cuidei e dei de tudo”, afirma.

A mulher tem ainda outros dois filhos, uma menina de um ano e um menino, de oito anos. Segundo ela, Lioberto sempre foi agressivo, por isso já se separaram e ela teve outro relacionamento, que resultou no nascimento da menina de um ano.

Ela conta que, depois disso, voltou a morar com Lioberto por acreditar que seria bom para os filhos, mas ele continuou batendo nela e por isso se separaram há cerca de seis meses. “Agora ele fica me ameaçando e ameaça a minha filha de morte também. Ela fala que se eu tiver outro homem vai 'consumir' com a minha filha”, afirma.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 20 de Maio de 2018
Sábado, 19 de Maio de 2018
10:00
Receita do dia
Sexta, 18 de Maio de 2018
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)