Cassilândia, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

11/08/2006 20:12

Mulher é condenada a 38 anos de prisão por morte de babá

Juliane Sacerdote/Agência Brasil

Condenada na madrugada de hoje (11) a 38 anos de prisão em regime fechado, por tortura e assassinato da adolescente Marielma de Jesus Sampaio, que trabalhava como babá em sua casa, Roberta Rolim saiu presa do Tribunal do Júri de Belém (PA) e poderá ser transferida do Centro de Recuperação Feminina para um presídio.

O julgamento durou mais de 16 horas e segundo o promotor Paulo Godinho, “a defesa já entrou com recurso, para tentar um novo julgamento, porque o advogado dela, Dorivaldo Belém, esperava absolvição, ao alegar que Roberta Rolim fora forçada a participar do crime”.

Godinho informou ainda que a defesa vai recorrer também do tempo de condenação, já que pela legislação brasileira, uma pessoa pode ficar presa por 30 anos, no máximo.

O julgamento do marido de Roberta Rolim, Ronivaldo Furtado, também acusado do assassinato da adolescente, foi suspenso porque os advogados alegaram que ele é esquizofrênico. Não foi marcada ainda uma data para o julgamento.

O crime ocorreu em novembro de 2005 e ganhou repercussão internacional, por envolver questões como o trabalho infantil, violência doméstica e tortura. Segundo a representante do Fórum Paranaense de Erradicação do Trabalho Infantil, Maria Conceição de Castro, durante seu depoimento, Roberta Rolim chegou a afirmar que o marido era o autor do crime. Marielma havia sido autorizada pela família a morar com o casal para cuidar do filho deles e, em troca, receberia uma cesta básica e teria a oportunidade de estudar.

Maria de Castro lembrou que a pressão das entidades que combatem o trabalho infantil e lutam pelos direitos da criança e adolescente levou os réus a julgamento. "Isso foi uma violência, mas em conseqüência do trabalho infantill", avaliou.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 12 de Dezembro de 2017
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
10:00
Receita do dia
Domingo, 10 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)