Cassilândia, Sexta-feira, 09 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

30/06/2010 06:03

Manoel Afonso: Mudar de idéia é falta de opinião?

Manoel Afonso

Olhando no retrovisor é fácil constatar que nossos antepassados dificilmente reviam sua postura e conceitos sobre certos temas ou problemas. Era resultado de fatores diversos, que iam da religiosidade, conveniência política, comodismo pessoal - e é claro - também da falta de cultura. Eram outros tempos, da baixa de competitividade e de uma visão limitada do mundo.

Ainda hoje encontramos muitos resistentes, radicais, daqueles que não dão o braço a torcer, alegando motivos estapafúrdios, incompatíveis com as necessidades deste mundo globalizado, cada vez mais ágil e exigente. Imagine por exemplo os médicos não aderindo aos novos conceitos sobre o tratamento e medicação de determinada doença! Imagine também o advogado avesso ao uso do computador como ferramenta de trabalho! É o mesmo caso do agricultor que não aderiu às novas técnicas de cultivo, do sedentário com ojeriza aos exercícios físicos ou do pai centralizador, provedor apenas, sem diálogo com os filhos.

A mudança no pensar gera uma gama de benefícios pessoais, quebrando paradigmas e agregando novos valores. Viver sem abrir a guarda e a visão, é negar a si próprio oportunidades fantásticas de evoluir, de partilhar novos conhecimentos e preservando sua autonomia inclusive. O caminhar do homem em nossos dias exige novas atitudes, sem que isso implique em perdas de valores pessoais como moral, honestidade e família.

O que se fala aqui é do propósito de renovação de idéias, buscas profissionais e de ações que resultem no engrandecimento pessoal. Isso exige força de vontade, humildade e sabedoria. Ao contrário do que se possa pensar, mudar não significa negar opiniões de ontem, cultivadas no contexto de uma série de fatores. É apenas a reciclagem, o sábio repensar.

Grandes personagens da atualidade, vistos como excelências pela opinião pública, têm surpreendido com seguidas manifestações de mudanças em suas opiniões e nem por isso perderam a credibilidade. Isso acaba quebrando tabus e incentiva a nossa auto-avaliação.
Mas pior mesmo, é não ter idéia para mudar!
Manoel Afonso

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 09 de Dezembro de 2016
Quinta, 08 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
Quarta, 07 de Dezembro de 2016
20:20
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)