Cassilândia, Sexta-feira, 20 de Setembro de 2019

Últimas Notícias

12/09/2019 07:40

Greve nos Correios deve atingir 31 cidades de MS nesta quinta-feira

Campo Grande News

Servidores de 26 municípios de Mato Grosso do Sul aderiram ao primeiro dia de greve nacional da categoria, nesta quarta-feira (11). Além da Capital, Amambai, Aparecida do Taboado e Três Lagoas são algumas das cidades atingidas. Amanhã (12) mais cinco municípios também podem aderir ao movimento, que não deve chegar ao fim enquanto a estatal não abrir negociações para um reajuste salarial.

Os nomes dos próximos municípios que podem paralisar o atendimento ainda não foi divulgado assim como a quantidade exata de servidores que não estão trabalhando em Mato Grosso do Sul.

Conforme os trabalhadores a direção da ECT (Empresa Brasileira de Correios e Telégrafos) oferece 0,80% de reajuste. Com uma inflação acumulada de 4% no período, os funcionários teriam uma perda de mais de 3% no poder aquisitivo do salário. A empresa também estaria prestes a suspender benefícios como tickets alimentação e o vale cultura.

Em âmbito nacional, segundo os Correios, cerca de 17,9 mil servidores aderiram a paralisação, sendo 16,1 mil carteiros, 999 operadores de transbordo, 813 atendentes comerciais e 23 outros cargos, conforme o jornal Correio Braziliense.

Diante da situação a empresa apresentou o pedido de dissídio coletivo no TST (Tribunal Superior do Trabalho), nesta quarta-feira (11), sob o argumento da de que a única solução viável seria o fim da paralisação sem a necessidade do aumento de gastos do Estado. Uma audiência de conciliação da estatal com o movimento está marcada para amanhã a tarde (12) em Brasília.

“Vamos aguardar e ver se a empresa está proposta a negociar, caso contrário a greve vai continuar. Avaliamos que esse primeiro dia foi bom e amanhã pela manhã já teremos as respostas dos outros cinco municípios que devem aderir ao movimento”, comentou a presidente do Sintect/MS (Sindicato dos Trabalhadores nos Correios e Telégrafos), Elaine Regina Oliveira.

Ainda conforme Elaine, no interior há agências onde o atendimento foi completamente suspenso. Já na Capital o setor mais afetado foi o de entregas. A lista completa das 26 cidades onde os serviços foram paralisados não foi divulgada, mas Paranaíba, Cassilândia e Costa Rica, também estão entre elas.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 20 de Setembro de 2019
Quinta, 19 de Setembro de 2019
10:00
Receita do Dia
Quarta, 18 de Setembro de 2019
12:42
Cassilândia
12:39
Cassilândia
11:00
Mundo Fitness
09:00
Santo do Dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)