Cassilândia, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

24/03/2004 14:14

Governo apresenta plano de para combater a tuberculose

Irene Lôbo / ABr

O controle da tuberculose é prioridade na política de saúde do governo federal. Para marcar no Brasil o Dia Mundial de Luta contra a Tuberculose, o Ministério da Saúde (MS) apresentou hoje um plano de ações para conter a doença no país.

De acordo com o coordenador geral de doenças endêmicas do MS, Joseney Pires dos Santos, a partir do próximo mês o ministro Humberto Costa irá visitar pessoalmente os secretários estaduais e municipais de saúde de diversas regiões do país para propor um pacto para a redução da tuberculose.

Serão enviadas forças-tarefa para os cerca de 290 municípios do país de maior concentração da doença. Elas irão reforçar o monitoramento dos casos e os resultados obtidos com o tratamento. As equipes do Programa Saúde da Família serão treinadas para diagnosticar e curar a tuberculose.

Até 2007, o governo promete investir R$ 119 milhões nessas ações. A meta é curar 50,5 mil portadores de tuberculose até 2005. Atualmente, o Brasil apresenta 70% de índice de cura, mas 12% dos tuberculosos abandonam o tratamento antes do final.

Para Joseney Santos, essa não é uma data para se comemorar, mas para refletir. “O Brasil tem hoje em torno de 93 mil casos da doença e seis mil óbitos por ano de uma doença curável, situação que pode ser revertida. No entanto, há quase uma década os indicadores não melhoram. A aids e o surgimento dos casos resistentes tornam a epidemia ainda mais preocupante”, afirma Santos.

A tuberculose é transmitida pelo ar. Os principais sintomas são: tosse por mais de 21 dias, febre geralmente no final da tarde, perda de peso, falta de apetite e de disposição. A doença tem cura e deve ser tratada assim que for descoberta.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)