Cassilândia, Sexta-feira, 28 de Fevereiro de 2020

Últimas Notícias

06/02/2020 07:40

Governador defende criação de imposto único sobre o preço do combustível

Campo Grande News

 

Em resposta ao “desafio” proposto pelo presidente Jair Bolsonaro, nesta quarta-feira (5) ao criticar a forma como os estados calculam a arrecadação sobre o preço do combustível, o governador Reinaldo Azambuja (PSDB) disse ser favorável a extinção do ICMS (Imposto Sobre Circulação de Mercadorias e Prestação de Serviços) do produto, contanto que ele seja substituído por um imposto único, com tributação para União, Estados e municípios.

“Os 27 governadores defendem que a proposta é acelerar a Reforma Tributária que avalia a substituição dos PIS, Cofins, IPI, ICMS e ISS pelo IBS (Imposto sobre Bens e Serviços). A matéria tramita no Congresso Nacional e prevê a tributação para União, Estados e municípios em um único imposto. Desta forma, simplifica a arrecadação, facilitando o gerenciamento para a Administração Pública, além de desonerar a população brasileira”, disse por meio de nota.

O governador também pontuou que o assunto deve ser “feito pelo diálogo”. “Estamos atentos ao debate desta questão, e sabendo da necessidade de diminuir a carga tributária brasileira, estamos prontos para sentar com o Governo Federal e encontrar a melhor solução", concluiu Reinaldo Azambuja.

ICMS - Nesta quarta-feira (5) o presidente Jair Bolsonaro afirmou que vai zerar os tributos federais sobre combustíveis se os governadores aceitarem zerar o ICMS (imposto estadual). "Eu zero federal, se eles zerarem o ICMS. Está feito o desafio aqui agora. Eu zero o federal hoje, eles zeram o ICMS. Se topar, eu aceito", afirmou Bolsonaro na saída da residência oficial do Palácio da Alvorada, conforme o portal G1. O posicionamento, no entanto, gerou resistência entre os governos estaduais.

 

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 28 de Fevereiro de 2020
10:00
Receita do Dia
Quinta, 27 de Fevereiro de 2020
10:00
Receita do Dia
Quarta, 26 de Fevereiro de 2020
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)