Cassilândia, Sexta-feira, 15 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

08/11/2005 17:12

GO: Goiás mantém monitoramento em relação à aftosa

Agência Goiana de Comunicação

A Agrodefesa tem mantido sob intenso monitoramento o trânsito oriundo de Mato Grosso do Sul, onde já foram confirmados 22 focos de febre aftosa. Uma atenção especial tem sido dada ao Paraná e a São Paulo. Na divisa com Mato Grosso do Sul foi dobrado o efetivo técnico dos três postos fixos localizados em Chapadão do Céu, Itajá e Aporé.

Para a região foram deslocadas nove equipes moveis de fiscalização. O trânsito oriundo de São Paulo e Paraná está sendo monitorado nos postos de São Simão, Itumbiara, Cumari e Corumbaíba. As ações vão continuar até que se encerrem os focos de Mato Grosso do Sul e sejam descartadas as suspeitas do Paraná e de São Paulo.

Ontem o Ministério da Agricultura encaminhou para todos os Estados a relação de focos de Mato Grosso do Sul de febre aftosa e a quantidade de animais em cada foco. Até agora foram confirmados 22 focos envolvendo 13.713 animais, 59 suínos e 227 ovinos e caprinos. Deste total, 447 bovinos apresentaram sintomas clínicos da enfermidade.

No Paraná já foram inspecionadas 614 fazendas num raio de 10 km das quatro propriedades onde foram identificadas suspeitas de febre aftosa. São fazendas localizadas em Loanda, Amaporã, Maringá e Grandes Rios. Além deles, outros 32 municípios que fazem fronteira com estas cidades são consideradas áreas de risco, ou seja, é proibida a saída de animais susceptíveis à febre aftosa, bem como produtos e subprodutos.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
10:00
Receita do dia
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)