Cassilândia, Sábado, 20 de Julho de 2019

Últimas Notícias

04/06/2019 09:20

Gigante de etanol em recuperação judicial garante manter investimentos em MS

Campo Grande News

Segunda maior fabricante de etanol do Brasil e em recuperação judicial diante do bloqueio de R$ 1 bilhão de seu caixa, a Atvos vai manter seu plano de investimentos para Mato Grosso do Sul, onde gera cerca de 4,6 mil empregos diretos. A garantia foi dada por diretores da empresa ao governador Reinaldo Azambuja (PSDB) nesta segunda-feira (3), durante reunião em São Paulo, e integram o projeto para obter aval da Justiça para superar o mau momento.

Com unidades de produção de etanol em Costa Rica, Nova Alvorada do Sul e Rio Brilhante, a Atvos promete apresentar à Justiça em 60 dias, em seu plano de recuperação, as atividades das destilarias nos três municípios, fruto do pedido de bloqueio feito por um fundo norte-americano que é credor da companhia.

As dificuldades financeiras geraram preocupações na cadeia da cana-de-açúcar em Mato Grosso do Sul, já que, apenas no Estado, as usinas são responsáveis pela moagem de 13,5 milhões de toneladas de cana e, além de empregos diretos, contribuem na geração de outros 11 mil postos de trabalho indiretos.

“Em função da recuperação judicial, surgiu a preocupação de produtores, fornecedores, funcionários e prefeitos sobre a possibilidade de impacto nas atividades. Recebemos uma série de demandas sobre isso e viemos verificar a situação”, disse Reinaldo, após a reunião. “Aqui, recebemos da diretoria a garantia da manutenção de todos os compromissos que a empresa tem”.

A delegação estadual informou ter obtido uma mensagem “de tranquilização para produtores rurais, trabalhadores e prefeitos”, conforme destacou o secretário de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar, Jaime Verruck. “Para que a empresa saia da recuperação judicial ela terá que fazer alguns investimentos no canavial. Então, a Atvos sinalizou positivamente a manutenção das atividades nas plantas de Mato Grosso do Sul, inclusive melhorias”.

Além de Reinaldo e Verruck, participaram da reunião os diretores da Atvos Juliana Baiardi (executiva), Joana Batista (jurídica), Alexandre Perazzo (financeiro) e Amaury Pekelman (relações institucionais), além do diretor executivo da Biosul, Roberto Hollanda.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 20 de Julho de 2019
11:00
Mundo Fitness
10:00
Receita do Dia
09:00
Santo do Dia
Sexta, 19 de Julho de 2019
10:00
Receita do Dia
09:00
Santo do Dia
Quinta, 18 de Julho de 2019
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)