Cassilândia, Domingo, 04 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

24/06/2008 13:55

Fundect aprova R$ 448.286,39 para projetos da UEMS

A UEMS teve 13 projetos de pesquisa aprovados pela Fundação de Apoio ao Desenvolvimento do Ensino, Ciência e Tecnologia do Estado de Mato Grosso do Sul (Fundect), o que representa 23% dos 57 aprovados no edital 02/2007, que visa apoiar a ampliação ou recuperação da infra-estrutura de pesquisa científica e tecnológica nas instituições públicas de ensino superior e/ou de pesquisa, visando dar suporte à fixação de jovens pesquisadores e nucleação de novos grupos no Estado.

O valor total disponibilizado no edital é de R$ 1.033.357,00, sendo que para a UEMS serão destinados R$ 448.286,39, que contemplam os seguintes projetos:

- Avaliação do desempenho e da qualidade de carne de bovinos Nelore, Pantaneiro e ½ Pantaneiro-Nelore, no município de Aquidauana – MS, no valor de R$ 20.700,00, sob a coordenação do professor Carlos Antonio Lopes de Oliveira;

- Desempenho zootécnico e econômico de surubins Pseudoplatystoma spp., criados em viveiros, sob diferentes densidades de estocagem, no valor de R$ 14.676,00, coordenado pela professora Cristiane Fátima Meldau de Campos Amaral;

- Caracterização de ácidos húmicos de solos da região de Dourados - MS por técnicas eletroanalíticas e espectroscopia fotoacústica, no valor de R$ 17.260,00, coordenado pelo professor Edemar Benedetti Filho.

- Padrão de crescimento e acúmulo de matéria seca em pastagens de Panicum maximum Jacq. na região do bolsão sul-mato-grossense, no valor de R$ 20.500,00, coordenado pelo professor Elson Martins Coelho;

- Potencial germinativo de diásporos produzidos por vegetação ribeirinha no município de Ivinhema-MS, no valor de R$ 11.500,00, coordenado pela professora Glaucia Almeida de Morais;

- Estoque da matéria orgânica humificada, atributos físicos, químicos e microbiológicos do solo sob diferentes coberturas vegetais, no valor de R$ 23.900,00, coordenado pelo professor Jolimar Antonio Schiavo;

- Estudo químico e biológico das folhas da espécie Piper Amalago, no valor de R$ 24.850,00, coordenado pelo professor Jonas da Silva Mota;

- Cenários estratégicos para o desenvolvimento do turismo em Mato Grosso do Sul, no valor R$ 15.000,00, coordenado pelo professor José Roberto da Silva Lunas;

- Reprodução em laboratório do camarão de água doce Macrobrachium amazonicum encontrados no Pantanal, no valor de R$ 21.745,00, coordenado pela professora Liliam Hayd;

- Níveis de Sustentabilidade Ambiental para a cultura da cana-de-açúcar em dois sistemas de manejo na região do Cerrado, no valor de R$ 11.250,00, coordenado pela professora Luciana Ferreira da Silva;

- Produção de moradias e os papéis urbanos em municípios do Vale do Ivinhema-MS (Glória de Dourados, Deodápolis, Ivinhema e Angélica), no valor de R$ 7.763,00, coordenado pela professora Mara Lúcia Falconi da Hora Bernardelli;

- Avaliação de três espécies de gramíneas forrageiras tropicais (Brachiaria brizantha cv. Marandu, Brachiaria decumbens cv Basilisk e Panicun maximum cv Tanzânia 1), sob a influência sombreamento de quatro regimes de luz no período das águas, no valor de R$ 20.910,00, coordenado pelo professor Pedro Nelson Cesar do Amaral;

- Modelagem da diversidade e composição de espécies de peixes em riachos da bacia do rio Ivinhema, no valor de R$ 24.400,00, coordenado pelo professor Yzel Rondon Súarez.

Com informações da UEMS

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 03 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
06:50
Loterias
Sexta, 02 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)