Cassilândia, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

03/02/2009 09:58

Farmácias são reincidentes em flagrante de sonegação

Nadyenka Castro, Campo Grande News

A Deco (Delegacia de Combate ao Crime Organizado) já sabe que muitos dos medicamentos apreendidos sábado (31 de janeiro), em Dourados, foram adquiridos por farmácias que já tinham sido flagradas sonegando ICMS (Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços).

De acordo com a Deco, várias farmácias responsáveis pelos medicamentos apreendidos em dezembro, em Campo Grande, sem pagamento de impostos, foram identificadas como sendo também as donas dos remédios recolhidos em Dourados.

Na apreensão ocorrida na Capital, os produtos estavam dentro de caixas de papelão, identificadas com os nomes das empresas que os compraram. Já na apreensão feita em Dourados, nas caixas havia apenas números.

A numeração, de quatro dígitos, funcionava como uma espécie de código para identificar a farmácia que havia comprado os medicamentos.

Através de comprovantes de depósitos bancários, dos cheques apreendidos no local e com auxílio do Fisco Estadual, os agentes já identificaram a maioria das farmácias e descobriram que várias são as mesmas apontadas na primeira apreensão.

A Deco ainda faz os levantamentos para identificar todos os responsáveis. Foram apreendidos 38 cheques, de pessoas jurídicas e físicas, que somam R$ 24,5 mil.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)