Cassilândia, Terça-feira, 06 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

14/05/2004 16:35

Doação de alimentos em Paranaíba passa por crivo de juiz

Maristela Brunetto / Campo Grande News

O juiz eleitoral de Paranaíba, Aluízio Pereira dos Santos, decidiu suspender a liberação de cestas básicas a cerca de 600 pessoas que se declararam empregadas e determinou uma série de critérios para a entrega de alimentos no período eleitoral.
De acordo com resolução do magistrado, comunicada após reunião com representantes dos partidos políticos, governo estadual e prefeitura, a entrega das cestas passará por uma triagem. No caso das famílias empregadas, o benefício poderá ser restabelecido após a triagem; a cesta ficará mantida somente para alguns, que recebem menos.
A triagem também valerá com novas famílias que pedirem cesta básica. O juiz terá de autorizar a inclusão de novas famílias. Há 2.118 cadastradas pelos programas sociais.
A medida é para evitar o uso eleitoral de distribuição de alimentos. Também foram definidos os dias 10 e 20 para a entrega das cestas pelo governo e prefeitura, sempre pela manhã. Um funcionário da Justiça acompanhará a entrega. Os procedimentos também serão acompanhados pelo Conselho de Fiscalização Eleitoral, criado com representação de todos os partidos políticos.
O juiz quer que a Secretaria de Assistência Social do governo envie dados sobre os beneficiados pelo Segurança Alimentar.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 06 de Dezembro de 2016
Segunda, 05 de Dezembro de 2016
21:32
Loteria
13:15
Cassilândia
09:00
Maternidade
Domingo, 04 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)