Cassilândia, Sábado, 16 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

16/01/2007 16:49

Dívidas da TVE chegariam a R$ 1,5 milhão, diz auditoria

Humberto Marques / Campo Grande News

A auditoria realizada na Fundação Rádio e TV Educativa de Mato Grosso do Sul, responsável pela produção e transmissão de programas pela TVE Regional, identificou até o momento que as dívidas da emissora estatal chegam a R$ 1,5 milhão. Segundo informações divulgadas pela administração estadual, a maior parte do passivo é referente ao pagamento de fornecedores, dos quais apenas a Embratel teria R$ 400 mil a receber do governo. O processo de auditoria interna, determinado pela administração estadual, deve durar mais 30 dias, conforme as previsões iniciais.

Logo que assumiu o governo estadual, André Puccinelli (PMDB) decretou a suspensão da programação regional da emissora, que agora apenas repete a programação das TVs Cultura e Educativa do Rio de Janeiro. Com o tempo, os transmissores instalados no interior do Estado para repetição da programação regional foram desligados, e agora se cogita trazer os equipamentos para a Capital – como forma de preservar os aparelhos da deterioração ou mesmo vandalismo.

Decretou-se ainda férias coletivas para boa parte do quadro de pessoal da emissora, sendo que um grupo de jornalistas foi remanejado para a equipe de comunicação do governo. O contrato com a Embratel (responsável por transmitir o sinal da emissora pelo interior do Estado) foi suspenso como forma de se contingenciar os gastos da Fertel.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Quinta, 14 de Dezembro de 2017
21:14
Loteria
10:00
Receita do dia
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)