Cassilândia, Domingo, 28 de Maio de 2017

Últimas Notícias

13/02/2016 12:30

Deputado pede licença-paternidade e demite-se por adultério

24 Horas News

Kensuke Miyazaki, 36 anos, do Partido Liberal Democrático, tornou-se, em janeiro, o primeiro deputado japonês a pedir licença-paternidade. A decisão despertou um debate nacional, com várias pessoas acusando o deputado do Partido Liberal Democrata de negligenciar as suas funções perante os seus constituintes.

De acordo com o jornal britânico “The Guardian”, Miyazaki voltou agora a ser notícia, depois do tabloide japonês Shukan Bunshun ter publicado na quarta-feira (10) uma foto que o mostra acompanhado de uma mulher, saindo de casa em Quioto. O mesmo tabloide afirma que a foto foi tirada dias antes da esposa, Megumi Kaneko, também deputada, ter dado à luz, em 5 de fevereiro.

Em conferência de imprensa transmitida ao vivo pela televisão japonesa, Kensuke Miyazaki desculpou-se pelo “comportamento inadequado” e anunciou que vai abandonar o cargo de deputado. Kensuke Miyazaki com a mulher, Megumi Kaneko. “Expliquei tudo à minha mulher e arrependo-me profundamente de lhe ter feito uma coisa tão cruel logo após o nascimento do nosso filho.

Peço desculpa por todo o tumulto causado“, admitiu o deputado enquanto se curvava para as câmaras e repórteres, após anunciar a demissão. O deputado confessou ter conhecido a amante, uma modelo profissional de quimonos, quando esta o ajudou a vestir o traje tradicional para as celebrações da abertura do parlamento japonês, em 4 de janeiro. “Lembro-me que depois disso nos encontramos mais três vezes. A última vez que a vi foi em Quioto e já não mantemos contato” disse Miyazaki na conferência de imprensa.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 28 de Maio de 2017
Sábado, 27 de Maio de 2017
10:00
Receita do Dia
Sexta, 26 de Maio de 2017
10:01
Cassilândia
10:00
Receita do Dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)