Cassilândia, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

12/11/2007 16:20

Deputado de MS ganha mais que congressista europeu

Maristela Brunetto/Campo Grande News

A Transparência Brasil divulgou estudo comparando os gastos com parlamentares nos Estados e congressistas brasileiros com os de países europeus, norte e sul-americanos e apontou que os deputados de Mato Grosso do Sul ganham mais que parlamentares federais de países como França, Inglaterra e até Canadá.

O levantamento leva em conta dados tomandos antes do reajuste que o Congresso se autoconcedeu. Consta que sete estados brasileiros, incluindo MS, gastam mais com seus legislativos que o parlamento francês. Lá, o custo médio anual de um congressita é de R$ 2,8 milhões. Considerando o orçamento da Assembléia Legislativa do Estado (R$ 146,2 milhões) e o número de deputados, a Transparência chegou ao gasto de R$ 6 milhões ano por deputado.

É bem acima do que custam parlamentares federais da Itáilia (R$ 3,9 milhões/ano cada), Alemanha (R$ 3,4 milhões), Portugal (R$ 952 mil), Espanha (R$ 850 mil) e Reino Unido (R$ 2,2 milhões). Entre os do continente: Canadá (R$ 2,3 milhões), México (1,8 milhão), Chile (R$ 1,3 milhão) e Argentina (R$ 1,2 milhão).

Os parlamentares federais no Brasil custam em média R$ 101 mil/mês, considerando as verbas previstas além do salário (incluindo assessores). Na famosa Câmara dos Comuns inglesa, por exemplo, a conta é de que cada membro custe R$ 600 mil ano. Pelo levantamento da Transparência, 15 estados gastam mais com seus parlamentos (e MS está no grupo) que a Itália, que foi considerado o terceiro País pesquisado que mais gasta com o Legislativo.

O Brasil fica somente atrás dos Estados Unidos no gasto com seus congressitas. Segundo o estudo, cada parlamentar dos EUA custa R$ 15,3 milhões por ano e os brasileiros custam R$ 10,2 milhões/cada, representando, por exemplo, despesa dez vezes superior à feita pelos espanhóis. O orçamento do Congresso brasileiro é de R$ 6 bilhões para manter estrutura com 513 deputados federais e 81 senadores.

O levantamento completo pode ser conferido no site da Transparência:

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)