Cassilândia, Quarta-feira, 07 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

04/03/2015 17:00

Delcídio será, mais uma vez, presidente da CAE

Assessoria
Delcídio será, mais uma vez, presidente da CAE

O senador Delcídio do Amaral foi indicado nesta quarta-feira, 4 de março, pela Partido dos Trabalhadores , para ocupar a presidência da Comissão de Assuntos Econômicos do Senado, uma das mais importantes do Congreso Nacional. Ela tem, entre suas atribuições, a discussão de tudo o que diz respeito a macro economia do país, com impacto no dia-a-dia da população. Passam pela CAE assuntos como a renegociação das dívidas dos estados, os investimentos do PAC, a Reforma Tributária e até a presidência do Banco Central.

Essa é a segunda vez que Delcídio presidirá a CAE. Na primeira, de 2011 a 2013 , ele comandou a votação de assuntos polêmicos, entre eles a instituição do fundo complementar de previdência dos servidores públicos (Funpresp) e a criação do Sistema Único de Assistência Social (SUAS). No mesmo periodo, foram realizadas 56 audiências públicas, 1.356 reuniões e analisadas 515 matérias, entre projetos, requerimentos e sabatinas.

O senador encara a missão como "um grande desafio".

"Em primeiro lugar, fico muito honrado pelo fato dos meus colegas senadores terem me confiado essa missão neste momento que o pais vive. Todos podem ter certeza de que não faltarei ao meu dever. Para presidir uma comissão da importância da CAE, temos que ouvir as pessoas, dar oportunidade a todos os parlamentares e às bancadas, com tranquilidade diante das divergências de interesses", afirmou Delcídio.

Segundo ele, neste segundo mandato à frente da Comissão as prioridades são os ajustes na economia e a discussão do pacto federativo.

"Além das medidas que o governo vai editar nas próximas semanas no sentido de promover os ajustes necessários para que o país volte a crescer, temos outras pautas importantes, como renegociação das dívidas dos estados, a discussão do pacto federativo, do ICMS e a convalidação dos incentivos fiscais , sem falar na reforma tributária", pontuou.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 07 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
09:00
Maternidade
03:14
Loteria
Terça, 06 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do Dia
09:00
Maternidade
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)