Cassilândia, Quarta-feira, 22 de Novembro de 2017

Últimas Notícias

17/11/2009 06:34

Cuiabá: Vereador perde mandato e deixa Câmara chorando

Valdemir Roberto, 24 horas news
Lutero Ponce assiste a sessão que decidiu sua cassação por desvios na Câmara Luiz AlvesLutero Ponce assiste a sessão que decidiu sua cassação por desvios na Câmara Luiz Alves

Não adiantou o choro, nem mesmo toda a movimentação da tropa de choque, que passou o dia tentando evitar o inevitável. Lutero Ponce (PMDB) acabou sendo cassado. Foram 14 votos pela sua saída da vida política, quando apenas quatro a favor, sendo um seu e uma abstenção.


O destino do ex-presidente da Câmara Municipal de Cuiabá, acusado de chefiar desvio de R$ 7,5 milhões dos cofres da casa começou a ser definido na manhã de ontem. Nos bastidores era claro que o vereador iria seguir o mesmo destino de Ralf Leite, que foi cassado. Foi um decisão histórica, que terminou às 18h24.

O relator da Comissão Processante, vereador Lúdio Cabral (PT) usou a tribuna por três horas para pedir a cassação de Lutero Ponce. No período da tarde, a sessão se arrastou entre vereadores que integravam a tropa de choque de Lutero, tentando pedir sua absolvição. Logo depois seu advogado, Paulo Taques usou a tribuna por duas horas para alegar que seu cliente estava sendo perseguido pelo atual presidente da Câmara, Delcimar Silva (PP) e que não poderia ser cassado uma vez que ainda não havia sido julgado pela Justiça Comum sobre a questão do desvio de verbas.

Lutero Ponce aproveitou o tempo de seu advogado para, chorando, pedir aos vereadores que fizessem justiça, permitindo que mantivesse seu mandato de vereador. Não adiantou! Ao encerrar o tempo do advogado, Delcimar Silva anunciou que a votação seria em aberto e por maioria absoluta. O vereador Clovito, integrante da tropa de Lutero Ponce chegou a reclamar que não era justo e que a votação teria de ser por 2/3 com a necessidade de 15 votos. Não adiantou, Delcimar confirmou sua decisão.

A votação começou logo em seguida e o inevitável aconteceu. Lutero Ponce foi cassado por 14 votos, sendo quatro a seu favor, um dele próprio e uma abstenção, curiosamente do relator do processo, o vereador Lúdio Cabral (PT). Votaram por Lutero, Clovito, Chico 2000 e Lueci Ramos.

Ao final da votação, chorando, Lutero Ponce, acompanhado por seus filhos deixou o plenário da Câmara sem querer falar com ninguém. Apenas seu advogado, Paulo Taques falou, afirmando que Delcimar Silva não cumpriu os ritos normais da casa, que era dois terços para a cassação e que vai recorrer da cassação de seu candidato. “Houve tumulto, perseguição e queremos a reação da justiça”, disse o advogado.

Comemorando a derrota de seu inimigo político, Delcimar Silva disse que foi fiel ao preceito constitucional. “Só cumpri o que foi encaminhado pela casa de leis, segui a determinação e o recurso é direito de todos. Cabe a Ponce recorrer. Nunca desejei nada a ninguém, não existe perseguição. Segui o que a sociedade pediu. Agora vamos chamar o suplente Arnaldo Penha, para tomar posse.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 21 de Novembro de 2017
Segunda, 20 de Novembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)