Cassilândia, Quarta-feira, 26 de Abril de 2017

Últimas Notícias

23/10/2013 10:47

Consumidor mostra vídeo em que relógio de água está girando indevidamente

Bruna Girotto
Consumidor mostra vídeo em que relógio de água está girando indevidamente

O leitor Marco Antônio entrou em contato com o Cassilândia News para enviar o vídeo abaixo, postado por ele no You Tube. 

Ele disse que o relógio de água, em sua residência, estava girando de maneira indevida, mesmo sem água na torneira (mas sim, só ar). 

Ao procurar o departamento de água, Marco Antônio teria sido informado que eles não poderiam fazer nada a respeito. Que Marco teria de comprar um aparelho chamado ventosa no valor de R$39,00 e que, o departamento enviaria funcionários para instalá-lo.

Indignado, Marco Antônio procura uma solução para resolver o problema pois, segundo ele, a água está sendo cobrada indevidamente.  

eu penso assim, que quando for instalado o hidrômetro os administradores ja instalam também esse tal ventosa junto...só penso
 
maria santos em 23/10/2013 20:30:42
Em minha casa há dois "medidores". Um antigo, que serve à casa de minha mãe e um recém colocado que serve ao meu escritório. É muito interessante ver o funcionamento dos dois, enquanto o mais antigo nem meche quando o ar esta vindo. O novinho gira como "louco". Espero que a minha conta não venha exagerada. Já que água em minha casa é só depois da s 23 horas (ms), e acaba lá pelas 6,30 hs da manhã do outro dia. O resto do dia fica só vento ou na maioria das vezes nada.
 
José Alberto Souza Neto em 23/10/2013 17:52:24
Concordo plenamente, estamos pagando ar e não água, fico revoltada quando supostamente a água volta, o ponteirinho ta a mil, mais se vc abrir a torneira, cade a água, só tem ar e demora pra realmente vir a água. Acho um absurdo final de sema quando estou em casa e que posso fazer meus afazeres domestico cade a água. Ou levanto bem cedo no dia do meu descanso ou fico sem ter como limpar minha casa. E ainda ando pagando ar e não água. Quando sera que esse problema vai ser resolvido, acho um absurdo uma cidade rodeada de água e faltar a mesma pra população. Indignada sempre.
 
laudelina em 23/10/2013 11:39:03
Fica agora a dúvida: Isso representa uma cobrança abusiva, ou seja, uma cobrança de um serviço não prestado. De outro lado quem poderá defender esse consumidor? O procon? ou a Promotoria de Justiça?
 
Termy Ferreira de Lima em 23/10/2013 11:21:56
Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 25 de Abril de 2017
Segunda, 24 de Abril de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)