Cassilândia, Domingo, 22 de Outubro de 2017

Últimas Notícias

23/09/2017 08:20

Com 3,3 mil empregos, MS fecha agosto com saldo positivo no ano, diz Caged

Midiamax

Mato Grosso do Sul permanece com saldo positivo de empregos, com 3.384 novos postos de trabalhos no ano, apesar de ter sido registrado, em agosto, saldo negativo de 466 vagas. Os dados são do Caged (Cadastro Geral de Emprego e Desemprego) do Ministério do Trabalho, que foram divulgados nesta quinta-feira (21).

O resultado de 2017 se deve aos saldos obtidos meses de janeiro (871), fevereiro (2517), março (1245), abril (724) e junho (250). Já, nos últimos 12 meses o panorama é inverso, com saldo negativo de 4.280 empregos.

Contudo, pelo desempenho medido de janeiro a agosto, pela conclusão da Semagro (Secretaria de Estado de Meio Ambiente, Desenvolvimento Econômico, Produção e Agricultura Familiar), o cenário é favorável. “Dos 25 subsetores da economia, 16 mantém saldos positivos na geração de empregos no Estado, num comparativo entre janeiro e agosto do ano passado com o mesmo período deste ano”.

Desempenho de agosto

É o segundo mês consecutivo que Mato Grosso do Sul tem saldo de empregos negativo. Em julho foram menos 1.827 empregos.

Os setores que mais contribuíram para o saldo negativo do mês foram a construção civil e a agropecuária. No primeiro caso, a atividade vive um momento de demissões, por um lado, a finalização das obras da segunda linha da Fibria, em Três Lagoas (município que mais demitiu no Estado - 994 vagas a menos) pode explicar o fenômeno. Além disso, conforme análise da Semagro, “o comportamento da Construção Civil (- 812 vagas em agosto) segue uma tendência nacional de queda registrada há vários meses devido às mudanças no sistema de financiamento para aquisição de imóveis novos”.

Já, os números da agropecuária, com 600 vagas a menos, “refletem comportamento sazonal com fim da colheita, quando ocorre a dispensa de trabalhadores”, também conforme a Semagro.

O saldo de agosto não foi pior devido às admissões nos setores de serviços, com 822 novas vagas, e de indústria, com 251 novos postos de trabalho, sobretudo no subsetor de indústria de produtos alimentícios, bebidas e álcool etílico.

Municípios - Os municípios que mais demitiram em agosto foram Três Lagoas (-994) e Amambaí (-17). Entre os que mais admiram estão Campo Grande (415), Dourados (137) e Paranaíba (84).

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 22 de Outubro de 2017
Sábado, 21 de Outubro de 2017
10:00
Receita do dia
Sexta, 20 de Outubro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)