Cassilândia, Domingo, 17 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

06/02/2012 14:45

Cassilândia: retirada de pauta proposta para fechar vara

OAB/MS

Durante reunião nesta manhã no Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul, representantes da OAB no Estado pediram que o TJ/MS desista de fechar a 1ª vara cível da comarca de Cassilândia. Depois de ouvir os argumentos da presidente da Subseção da Ordem no município, Tânia Mara de Freitas Rocha, o presidente do TJ, Luis Carlos Santini, decidiu retirar o assunto da pauta de votação dos desembargadores, marcada para a próxima quarta-feira (8).

Caso a 1ª vara cível de Cassilândia seja fechada, a cidade de 21 mil habitantes localizada a 428 quilômetros de Campo Grande ficaria apenas com a 2ª vara cível em funcionamento. “Estaríamos retroagindo”, diz Tânia Mara Rocha.

A presidente da Subseção da Ordem em Cassilândia e o presidente do OAB/MS, Leonardo Duarte, argumentaram durante a reunião que há um número grande de distribuição e processos conclusos. “Temos um presídio, hoje com cerca de 200 presos, que recebe detentos de Camapuã até Cassilândia, inclusive é a vara prevista para ser fechada, a responsável pela execução penal. Como vamos ficar com apenas um juiz e um cartório?”, questiona Tânia Mara.

“A OAB conta com o apoio da toda a comunidade, principalmente dos nossos representantes na política, para reverter este quadro definitivamente. Por enquanto conseguimos que a proposta sobre o fechamento da vara fosse retirada da pauta do TJ, mas queremos convencer o Poder Judiciário a desistir da idéia”, finaliza Tânia Mara.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Sexta, 15 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)