Cassilândia, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

10/04/2010 20:52

Botafogo vence Fluminense e está na final da Taça Rio

GE.net

Em um jogo de viradas, o Botafogo venceu por 3 a 2 o Fluminense, neste sábado, no Maracanã, e se garantiu na final da Taça Rio. Com isso, os alvinegros estão a um jogo do título do Estadual, já que conquistaram a Taça Guanabara. Com gols de Loco Abreu, Fahel e Caio, os comandados de Joel Santana esperam seu adversário da partida entre Flamengo e Vasco.

Já o Fluminense, que marcou com Fred, duas vezes, o pensamento fica para a Copa do Brasil e o início do Cameponato Brasileiro. A situação do técnico Cuca fica delicada após a campanha no Campeonato Carioca.

O jogo - A partida começou a todo vapor, com as duas equipes buscando o ataque. Enquanto o Fluminense desperdiçou a primeira chance, o Botafogo a aproveitou. Aos cinco minutos, em cobrança de falta na área tricolor, o atacante Loco Abreu subiu mais que os zagueiros e cabeceou para a rede de Rafael.

A abertura de placar não assustou o Fluminense, que passou a atacar mais. No minuto seguinte, Conca cruzou para Fred, que cabeceou em cima de Jéfferson. Aos oito minutos, os tricolores perderam a chance de empatar quando o árbitro marcou pênalti de Leandro Guerreiro, que colocou a mão na bola dentro da área. No entanto, o atacante Fred cobrou a penalidade máxima no travessão.

A perda do pênalti acordou o Botafogo, que conseguiu marcar mais os tricolores e impedir os bons ataques do adversário. No entanto, o Fluminense seguia melhor em campo. Tanto que os comandados de Cuca só tiveram chance de marcar aos 26 minutos. Éverton lançou Conca, que de frente para Jéfferson, colocou no canto. O goleiro alvinegro conseguiu chegar e impediu o empate.

No entanto, aos 27 minutos, o Fluminense chegou a igualdade no placar. Após cruzamento de Diguinho, Fred cabeceou com estilo e colocou na rede de Jéfferson. O gol empolgou os tricolores, que seguiram no ataque e a virada não demorou a chegar. Aos 32 minutos, Alan perdeu o tempo da bola ao tentar finalizar e rolou para Fred, que girou e chutou para fazer seu segundo na partida.

O Botafogo só voltou a ter uma chance de gol aos 36 minutos. Após cruzamento na área, o goleiro Rafael saiu mal, Loco Abreu cabeceou e Antonio Carlos perdeu a oportunidade de empatar a partida. Irritada com a má atuação, a torcida alvinegra esboçou o grito de burro para Joel Santana.

Nos minutos finais da etapa inicial, o Botafogo impôs uma pressão e quase chegou ao empate com Herrera, mas o atacante foi travsdo pela zaga. Em outro lance, o argentino matou com a mão e finalizou para o gol, mas o árbitro anulou acertadamente. Os alvinegros tiveram que sair para o intervalo atrás no placar.

Atrás no placar, o Botafogo iniciou o segundo tempo buscando impor uma pressão. O técnico Joel Santana mexeu duas vezes no time: tirou os volantes Sandro Silva e Túlio Souza e colocou os meias Caio e Edno. No entanto, nos contra-ataques, o Fluminense era quem finalizava com perigo. Mariano e Fred quase ampliaram para os tricolores antes dos cinco minutos.

O jogo passou a ficar equilibrado, com as duas equipes se revezando no ataque. No entanto, quem marcou foi o Botafogo. Edno cobrou falta na área e após bate e rebate, Fahel finalizou desequilibrado, mas o suficiente para colocar na rede de Rafael.

Com a igualdade no placar, os dois times seguiram buscando o terceiro gol. No entanto, enquanto o Fluminense não conseguia impor o ritmo do primeiro tempo, os alvinegros cresceram em campo. Tanto que os comandados de Joel Santana chegaram ao gol em um lance irregular. Caio pegou a bola após rebote da zaga e chutou da entrada da área no canto de Rafael. Herrera, que estava impedido, fez o corta luz atrapalhando o goleiro tricolor. Os jogadores reclamaram com o árbitro, mas sem efeito.

Novamente atrás no placar, o Fluminense foi com tudo para cima do Botafogo. No entanto, no desespero, os tricolores não conseguiam armar boas jogadas e insistiam nos cruzamentos e chutes de longe. Quando teve as chances, os comandados de Cuca paravam em Jéfferson. Aos 42 minutos, Éverton arriscou de fora da área e o goleiro alvinegro fez grande defesa.

Para piorar a situação do Fluminense, em um contra-ataque rápido, o zagueiro Cássio acertou Caio por trás e foi expulso. Mesmo assim, os tricolores ainda buscaram o empate, mas acabaram saindo de campo com a derrota e a eliminação no Campeonato Carioca.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 10 de Dezembro de 2016
10:00
Receita do dia
Sexta, 09 de Dezembro de 2016
Quinta, 08 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)