Cassilândia, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

15/07/2004 14:30

Biopirataria pode ganhar dia de luta

Agência Câmara

O dia 10 de novembro pode virar o Dia Nacional de Combate à Biopirataria. A sugestão (PL 3656/04) é do deputado Sarney Filho (PV-MA), que foi relator da Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) que investigou o tráfico de animais e plantas silvestres da fauna e flora brasileiras. "De um total catalogado em todo o mundo, existe cerca de 1,5 milhão de espécies, sendo que 10% a 20% estão no Brasil. Esse dado, por si só, dá a dimensão da nossa biodiversidade, e também da nossa responsabilidade", analisa o parlamentar. "Na Amazônia brasileira há cerca de cinco espécies de seres vivos para cada centímetro quadrado de floresta", exemplifica.
Sarney Filho afirma que a ciência ainda desconhece grande parte das espécies existentes no planeta e da aplicação das espécies já descritas, por exemplo, para fins biomédicos e de alimentação.

Potencial cobiçado
"Toda essa riqueza biológica é muito cobiçada", alerta o parlamentar, o que contribui para o incremento do tráfico de animais e plantas silvestres. "Criar uma data nacional de combate à biopirataria não é apenas um ato formal. É também uma forma de fomentar a reflexão sobre a necessidade de melhor conhecer nossa biodiversidade, de protegê-la e usá-la de modo ecologicamente sustentável", resume.

Andamento
A proposição foi apensada ao Projeto de Lei 2487/03, da deputada Vanessa Grazziotin (PCdoB-AM), que determina que o Dia Nacional de Combate à Pirataria e a Biopirataria seja comemorado no dia 3 de dezembro. A matéria tramita em regime de urgência e por isso está sendo analisada, simultaneamente, pelas comissões de Educação e Cultura; e de Constituição e Justiça e de Cidadania .
A proposta ainda terá que ser votada pelo Plenário da Câmara, antes de seguir para o Senado.

Reportagem - Natalia Doederlein
Edição - Regina Céli Assumpção

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 10 de Dezembro de 2016
Sexta, 09 de Dezembro de 2016
Quinta, 08 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)