Cassilândia, Segunda-feira, 18 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

24/09/2005 09:34

Algumas profissões têm mais dermatite de contato

Agência Notisa

Pedreiros, pintores de parede, faxineiros e cabeleireiros têm mais dermatite de contato.Donas de casa também podem apresentar sintomas de sensibilização por cromo, níquel e cobalto.

Os metais níquel, cobalto e cromo são responsáveis pela maioria dos casos de dermatite de contato causada por metais. A sensibilização por estes materiais pode estar relacionada, ou não, à profissão exercida pelo paciente. A pesquisadora Ida Duarte, da Faculdade de Ciências Médicas da Santa Casa de São Paulo, e sua equipe realizaram um estudo para determinar a prevalência de sensibilização pelos metais relatados entre pacientes que tinham diagnóstico inicial de dermatite de contato.

A pesquisa analisou 1.208 pacientes atendidos no Setor de Alergia e Fototerapia da Clínica de Dermatologia da Santa Casa de São Paulo. De acordo com artigo publicado na edição de março/abril dos Anais Brasileiros de Dermatologia, “a concomitância de testes positivos a esses elementos ocorre, na maioria das vezes, por co-sensibilização, devido à exposição simultânea a materiais contendo níquel, cobalto e cromo em sua composição”. Com relação ao local das dermatoses, as mãos foram responsáveis por 37,5% dos casos pesquisados. O segmento encefálico representou 31% dos casos e os pés, 12%.

Entre os pacientes analisados, 404 (33,5%) apresentaram testes positivos pelo menos a um dos metais cromo, níquel e cobalto. “A maioria dos pacientes que apresentou sensibilização a estes metais trabalhava no setor de limpeza, correspondendo a 59% dos casos. Os trabalhadores de limpeza estão relacionados a todos os tipos de metal, devido ao contato com o níquel e o cromo, e à co-sensibilização pelo cobalto”, diz Ida.

Aproximadamente 83% dos pacientes tinham sua atividade profissional relacionada a trabalho úmido – trabalhadores no setor de limpeza, pedreiro, pintor, cabeleireiro, etc –. A presença de metais em produtos de limpeza tem sido relatada como potentes agentes desencadeadores ou mantenedores da dermatite de contato por metais. O trabalho em meio úmido, associado à exposição aos metais, favoreceu a sensibilização em 39% dos pacientes”, afirma a pesquisadora.


Agência Notisa (jornalismo científico – science journalism)

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Segunda, 18 de Dezembro de 2017
Domingo, 17 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Sábado, 16 de Dezembro de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)