Cassilândia, Quarta-feira, 13 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

08/08/2007 07:23

Acusado por morte agente carcerário nega crime

TJGO

Interrogado anteontem (6) pela juíza Carmecy Rosa Maria Alves de Oliveira, da 1ª Vara Criminal de Goiânia, o pecuarista Edson Rocha, denunciado juntamente com outras quatro pessoas pela morte do agente carcerário Jeosadaque Monteiro e Silva Júnior, negou participação no crime. A vítima foi assassinada em 8 de maio, em frente ao Instituto Ortopédico de Goiânia (IOG), no Setor Bueno. Na época, Edson estava preso e o fato ocorreu durante um esquema armado para a fuga dele.

Edson, que estava foragido desde o dia do fato e foi capturado recentemente, admitiu que estava no local e momento do crime e que sabia da existência de um esquema para sua fuga, mas disse que desconhecia qual era o plano. "Eu estava preso e, depois de sofrer lesões durante uma briga na Casa de Prisão Provisória (CPP), fui transferido para o Núcleo de Custódia, onde fui espancado várias vezes por agentes penitenciários, que também me obrigavam a ficar pelado e com as mãos para fora da cela", contou, comentando que não suportava mais permanecer em cárcere.

Diante disso, segundo relatou, entrou em contato com uma pessoa identificada apenas como Japa a quem teria pedido auxílio para fuga. "Eu teria de pagá-lo R$ 10 mil pelo trabalho, mas ele me devia esse valor e ficou por isso mesmo", contou. Segundo Edson, em contato telefônico feito dias antes do fato, Japa teria lhe garantido que um agente iria ajudar na fuga e que tudo já estava acertado. Questionado pelo Ministério Público (MP) sobre de que forma Japa ficou sabendo do dia e horário em que se submeteria a uma cirurgia no IOG, Edson disse ele deveria saber porque "no presídio todo mundo tem conhecimento de tudo".

Caso

De acordo com denúncia do MP, Edson estava detido no complexo prisional de Aparecida de Goiânia quando um exame de rotina realizado entre os presos constatou uma lesão no antebraço dele e a necessidade de uma intervenção cirúrgica. Ao ser informado que o procedimento seria realizado no dia 8 de maio, no Instituto Ortopédico de Goiânia, Edson planejou sua fuga e entrou em contato com dois comparsas - até o momento identificados apenas como Japa e Matrix - pedindo-lhes para que conseguissem o auxílio de Patrick César Tobias Xavier, Éder Alves de Souza e Guilherme Soares para a escapada.

Para tanto, Japa, Matrix e os três auxiliares se reuniram na residência do adolescente L. - que responde pelo crime perante o Juizado da Infância e da Juventude - e definiram os detalhes do plano de fuga, momento em que as tarefas foram divididas e distribuídas armas para cada um. No dia da cirurgia, os seis dirigiram-se ao hospital e executaram o plano quando Edson chegava ao local, escoltado por agentes carcerários. Conseguiram escapar levando Edson mas, na perseguição, houve troca de tiros, que resultou na morte de Jeosadaque, tendo a polícia conseguido, ao final, prender Patrick, Éder, Guilherme e L., que confessaram o crime. (Patrícia Papini)

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quarta, 13 de Dezembro de 2017
10:00
Receita do dia
Terça, 12 de Dezembro de 2017
20:48
Loteria
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)