Cassilândia Notícias

Cassilândia Notícias
Cassilândia, Segunda, 17 de Junho de 2024
Envie sua matéria (67) 99266-0985

Geral

Servidores públicos recebem hoje o 13º salário

Karina Lima, noticiasms - 14 de dezembro de 2012 - 09:25

Campo Grande (MS) – A antecipação do 13º salário dos servidores públicos estaduais anunciada pelo governador André Puccinelli gerou otimismo no setor varejista de Campo Grande. A folha, que corresponde a cerca de R$ 185 milhões, será paga no dia 14 de dezembro.

O pagamento ao trabalhador pode ser feito até 20 de dezembro (que neste ano cai na quinta-feira que antecede o Natal), mas governador atendeu ao pedido formalizado pela Câmara de Dirigentes Lojistas para aquecer o mercado. O Estado também liberou ontem (3) o pagamento referente ao mês trabalhado de novembro. Juntos, os dois vencimentos somam mais de R$ 350 milhões referentes ao valor líquido das folhas de pagamento.



Com esta iniciativa, o governo do Estado reafirma o compromisso que assumiu com os servidores públicos de quitar o 13º salário sem a necessidade de realização de empréstimos bancários e ainda manter o pagamento de salários rigorosamente em dia. “A valorização do servidor começa com o salário justo e o comprometimento com a data dos seus vencimentos. Desta forma cada um pode ter a segurança em saldar os compromissos e garantir a qualidade de vida dos familiares, bem como injetando recursos significativos no comércio local”, ressaltou a secretária de Estado de Administração, Thiê Higushi Viegas.



Otimismo



Se para o servidor público o pagamento em dia e o décimo terceiro são garantias de honrar com seus compromissos, para o setor varejista de Campo Grande é a oportunidade de aquecer ainda mais as vendas de fim de ano. O presidente da Associação Comercial e Industrial de Campo Grande (ACICG), Omar Aukar, está otimista com iniciativas como a do governo do Estado em antecipar o 13º salário. “Este esforço do governador em antecipar o pagamento representa grande diferencial. Gera a oportunidade de compras, de o consumidor pesquisar os preços com mais tempo e, claro, tudo isso o comércio agradece”, comentou.








Conforme Omar Aukar, a expectativa é de aumento entre 4,5% e 6,8% nas vendas de fim de ano se comparado ao mesmo período do ano passado. O otimismo do setor é com os pagamentos em dia e antecipação de 13º salários do funcionalismo público e outros setores e ainda com a prorrogação da redução do IPI de automóveis e da linha branca, além da facilidade de oferta de crédito.



O comércio também está apostando nas vendas em horário especial que já iniciou no dia 3 de dezembro. Até o dia 7, as lojas do centro ficaram abertas até às 20 horas. No período de 10 a 22, o horário será expandido até às 22 horas. Na véspera de Natal – dia 24 – o comércio central ficará aberto até às 18 horas e já no dia 31 – véspera de Ano Novo, os consumidores terão até às 16 horas para fazer compras.



Segurança



De acordo com o presidente da ACICG, estes horários especiais de funcionamento do comércio ganham um importante apoio do governo do Estado com o policiamento de fim de ano denominado Operação Natal Feliz Cidade. “As pessoas que trabalham durante o dia vão poder fazer suas compras à noite com mais tranqüilidade e a presença dos policiais nas ruas geram mais segurança também para os lojistas”, salientou Aukar.



O efetivo de 250 policiais atuará nos horários de funcionamento do comércio na Capital. Além da área central, o policiamento será redobrado em outras áreas comerciais de Campo Grande, como nos bairros Moreninhas, Aero Rancho, Nova Lima e outros que possuem área de forte comércio.



SIGA-NOS NO Google News