Cassilândia Notícias

Cassilândia Notícias
Cassilândia, Quarta, 10 de Agosto de 2022
Envie sua matéria (67) 99266-0985

Geral

Leilões de gado são suspensos em MS

Eudete Petelinkar/Famasul - 23 de maio de 2006 - 08:16

A mobilização dos produtores rurais de Mato Grosso do Sul, que já dura 25 dias, a partir de hoje ganha o reforço das leiloeiras para manter-se forte até o dia 25, próxima quinta-feira, data marcada para o anúncio das medidas do Governo Federal em prol do agronegócio.

O acordo foi firmado na tarde desta segunda-feira (22/05), durante reunião realizada na sede da Famasul (federação da Agricultura e Pecuária de Mato Grosso do Sul), entre a diretoria da entidade com a Acrissul (Associação do Criadores de Mato Grosso do Sul), e representantes de associações de raças bovinas, de leiloeiras e dos médicos veterinários autônomos, ficando estabelecido que nas próximas 72 horas (terça, quarta e quinta-feira) não haverá leilões de gado no Estado.

Para o diretor secretário da Famasul, Ademar da Silva Júnior, essas 72 horas são de grande expectativa para a classe ruralista, que vai avaliar a sensibilidade do Governo Federal para com o agronegócio do País. Segundo Silva Júnior, após a divulgação do “pacote”, os produtores voltam a se reunir na Famasul para avaliar as medidas e verificar se atendem as necessidades do setor. “Estamos planejando o fim do movimento com a realização de um ato público em cada município ou até uma missa campal. Mas caso não tenhamos o resultado esperado, estaremos prontos para continuar o protesto, ainda mais forte do que nunca”, declarou o diretor.

Produtores rurais de todos os segmentos, seja da pecuária ou da agricultura estão engajados no Alerta do Campo e vêem gradativamente recebendo apoio de todos os setores da economia, como distribuidores de combustíveis, transporte de cargas, indústria, comércio, entre outros.

SIGA-NOS NO Google News