Cassilândia Notícias

Cassilândia Notícias
Cassilândia, Sábado, 16 de Outubro de 2021
Envie sua matéria (67) 99266-0985

Geral

Já tem o primeiro brasileiro classificado no Open

Agência Brasil - 11 de setembro de 2003 - 10:39

O Brasil tem um representante nas oitavas-de-final do Brasil Open 2003. Ontem, o campineiro Ricardo Mello levou um susto, mas garantiu sua vaga nas oitavas-de-final do torneio ao vencer de virada o chileno Paul Capdeville por 2 sets a 1, parciais de 6/7 (4/7), 6/0 e 6/1. Na próxima rodada, vai enfrentar o argentino Juan Chela, cabeça-de-chave 6, que eliminou o australiano Todd Larkham, por 6/4, 2/6 e 6/1.

Outro brasileiro que entrou em quadra ontem, em Sauípe, foi Júlio Silva. O paulista, que entrou na chave principal após passar pelo qualificatório, teve um jogo bastante equilibrado e acabou sendo derrotado pelo austríaco Werner Eschauer por 5/7 7/6 (7/2) e 7/6 (7/1)

Ricardo Mello atribuiu à mudança de atitude sua reação. "Não fui bem no primeiro set, meu saque não funcionou. A partir do segundo set, mudei a forma de jogar, comecei a atacar mais e deu certo. O serviço passou a entrar, comecei a jogar melhor no fundo de quadra e na rede", comentou o 173º do ranking mundial, após despachar o 522º da ATP, que entrou na chave após passar pelo quali.

A vitória na estréia deixa Mello mais tranqüilo para a partida contra Chela, 43º do ranking. "É um grande jogador e favorito para esta partida. Nunca o enfrentei, mas estou sossegado. Vou poder entrar mais solto e certamente mais confiante", disse o brasileiro.

Convidado dos organizadores, o gaúcho Franco Ferreiro levantou a torcida na quadra central, desperdiçou dois match points e acabou eliminado pelo dinamarquês Keneth Carlsen. Apesar da derrota, Ferreiro encontrou motivos para comemorar.

"Foi o meu primeiro ATP e por isso joguei um pouco tenso, meio travado. Mas, mesmo assim, fiquei contente pelo que fiz. Foi uma novidade maravilhosa pra mim. Claro que queria a vitória, mas faltou experiência quando eu desperdicei a vantagem que tive no terceiro set (chegou a abrir 3/0)", reconheceu Ferreiro, 316º do ranking mundial, que vai continuar disputando torneios das categorias future e challenger até o final da temporada.

SIGA-NOS NO Google News