Cassilândia Notícias

Cassilândia Notícias
Cassilândia, Domingo, 14 de Agosto de 2022
Envie sua matéria (67) 99266-0985

Geral

Exonerações e cortes de gratificações já chegam a 591

Fernanda Mathias/Campo Grande News - 02 de junho de 2006 - 09:07

O DOE (Diário Oficial do Estado) desta sexta-feira traz relações contendo nomes de mais 344 servidores públicos estaduais, além dos 63 da Seprotur (Secretaria de Produção e Turismo) e 184 da Secretaria de Meio Ambiente e o Instituto de Meio Ambiente Pantanal, que estão incluídos dentre os ocupantes de cargos comissionados que foram exonerados, servidores dispensados de cargos de confiança e cortes de gratificação. Com isso, as medidas de contenção já atingem diretamente um universo de 591 servidores entre comissionados e de cargo efetivo.

A Seplanct (Secretaria de Estado de Planejamento, Ciência e Tecnologia), traz hoje ato declaratório em que exonera de cargos em comissão e dispensa de funções gratificadas 77 servidores públicos estaduais. A Secretaria de Desenvolvimento Agrário enxugou o quadro com 27 exonerações de comissionados. Já o Detran (Departamento Estadual de Trânsito) publicou duas portarias, uma delas dispensando da função de confiança de supervisor de processos 61 servidores e exonera de cargos de comissão 132. Foram recontratados 89 servidores. A regra do governo era que recontratados voltassem com cargos de salários inferiores. O Idaterra (Instituto de Desenvolvimento Agrário e Extensão Rural de Mato Grosso do Sul), expediu ato declaratório de exoneração de 47 cargos comissionados.

Os atos atendem o decreto de 16 de maio, do governo, que estabelece medidas de contenção. O governo Estadual determinou redução de despesas com comissionados em 22%.O governo informa que em todas as secretarias somam 1,8 mil os comissionados. Só com a demissão de parte deles e redução de salários, espera-se economia de R$ 1,4 milhão/ mês

SIGA-NOS NO Google News