Cassilândia, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

20/09/2005 14:08

Veto do governo é derrubado por 17 votos a três

Fernanda Mathias e Malu Prado / Campo Grande News

Somente os três parlamentares da bancada petista na Assembléia Legislativo votaram em favor do veto do governo de Mato Grosso do Sul ao projeto de lei de autoria do deputado Zé Teixeira (PFL) que prevê implantação de papa-ventos nas tubulações do sistema de abastecimento de água do Estado. Por 17 votos contra o veto acabou caindo.
O líder do governo na Assembléia, Pedro Kemp, que junto de Pedro Teruel e Semy Ferraz votou favorável à manutenção do veto, explicou as razões do governador Zeca do PT, de que o grau de eficiência dos dispositivos seria baixo e o custo alto para implantação: R$ 360,00 por equipamento.
Segundo ele, pesquisas desenvolvidas pelas companhias de saneamento de São Paulo, do Paraná, pela UFMG (Universidade Federal de Minas Gerais) e UFMS (Universidade Federal de Mato Grosso do Sul) revelam que além de não reduzirem a conta de forma significativa os papa-vento oferecem risco de contaminação da água através de orifícios. Segundo ele, pesquisa da UFMS aponta que a redução nas contas não passa de 1,2%. Teixeira rebateu informando que existem comprovações de que o ar aumenta contas de água entre 35% a 60% e que não há risco de contaminação. Sobre os custos, o parlamentar argumenta que ficará a cargo e critério de cada um dos consumidores. Agora o projeto deverá ser promulgado como lei. Ao todo foram votados 10 projetos na sessão desta terça-feira e um retirado da pauta, de autoria de Paulo Corrêa (PL), porque ele estava ausente. Ao todo 23 deputados passaram pelo Plenário e a sessão foi encerrada com 11 na Casa.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sábado, 10 de Dezembro de 2016
Sexta, 09 de Dezembro de 2016
Quinta, 08 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)