Cassilândia, Quinta-feira, 25 de Maio de 2017

Últimas Notícias

24/11/2015 19:11

Veja quanto vai custar a migração e quando será autorizada

Redação

O Ministério das Comunicações divulgou hoje (24) a tarde a tabela com os valores das novas outorgas de FMs para as emissoras AMs que pediram a migração. Conforme noticiado anteriormente pelo Tudo Rádio os valores contemplaram vários indicadores sociais e econômicos, além das características técnicas das emissoras migrantes. Também há uma compensação para as estações que serão realocadas no chamado “FM estendido”, que vai da faixa 76 a 87 MHz. O valor máximo a ser pago ficou por conta das emissoras mais potentes de São Paulo (classe A, acima de 100kw), que terão que desembolsar cerca de R$4,4 milhões. Já o menor valor é de R$8,6 mil (instaladas em cidades com menos de 10 mil habitantes e de baixa potência – até 0.5kw).

Os pagamentos serão feitos da seguinte forma: o Ministério das Comunicações deverá liberar uma guia para pagamento no dia 25 de fevereiro. Segundo o ministro André Figueiredo, que comanda a pasta desde outubro, serão 90 dias de prazo para o pagamento do valor por parte das emissoras migrantes, ou seja, o prazo deverá ser encerrado no dia 25 de maio de 2016. Ele será feito em parcela única até a data de vencimento, porém existe a possibilidade do valor ser financiado via BNDES (informação com base na entrevista concedida pelo ministro logo após a assinatura do decreto da migração, feito hoje em Brasília).

Valores

Clique aqui e acesse a lista com os valores específicos da migração / Tabela de Preços.

Clique aqui para ver a tabela com os critérios para os valores / Municípios por categoria.

Os indicadores

Os indicadores que tiveram o maior peso da decisão dos valores foram: PIB [Produto Interno Bruto], IDH-R (Indicador de Desenvolvimento Humano / Renda) e IPC (Índice Nacional de Preços ao Consumidor) de cada cidade e região das rádios AMs que solicitaram a migração. Esses dados também foram equilibrados com os portes técnicos de cada emissora migrante (classe de operação / potência), além da disponibilidade de canais em FM “convencional” (88 a 107 MHz) ou “estendido” (76 a 87 MHz), Naturalmente os valores mais altos ficaram com as emissoras de São Paulo (capital), que cobrem a área mais populosa e de maior relevância econômica no país.

Prazos

Conforme já informado anteriormente os prazos serão estabelecidos a partir do dia 25 de fevereiro de 2016, com a emissão da guia de pagamento. A expectativa do setor é de que, após o pagamento, as primeiras migrantes já passem a operar em FM. Este é o caso das emissoras que já tiveram a sua consulta pública de canais finalizada (saiba mais), com possibilidade de operação no espectro FM “convencional”.

Cerimônia

Hoje (24) a cerimônia para o anúncio dos critérios da migração AM para FM contou com as presenças de Luiz Claudio Costa, da Abratel; o vice-presidente Michel Temer; a presidenta Dilma Rousseff e o ministro das Comunicações, André Figueiredo. As autoridades presentes consideraram os valores justos, destacando que não são “irrisórios” (principalmente para as emissoras localizadas nas regiões mais populosas e de maior porte técnico).

Das 1,8 mil emissoras AM em operação no Brasil, 1.386 manifestaram interesse em mudar para FM e devem participar deste processo.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Quinta, 25 de Maio de 2017
Quarta, 24 de Maio de 2017
14:40
Cassilândia
13:00
Dicas de segurança
10:00
Receita do Dia
Terça, 23 de Maio de 2017
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)