Cassilândia, Terça-feira, 12 de Dezembro de 2017

Últimas Notícias

21/05/2007 14:08

Vacinação de idosos contra gripe termina nesta quarta

A Campanha Nacional de Vacinação do Idoso contra a gripe termina nesta quarta-feira, dia 23, nas unidades de saúde de Campo Grande. Mesmo com a vacinação superando as expectativas, neste ano, alcançando 102% da meta, a Sesau (Secretaria Municipal de Saúde) estendeu a Campanha para atender mais idosos, entre eles os acamados.

O idoso que ainda não vacinou poderá procurar uma das 64 unidades básicas de saúde ou os nove centros regionais 24 horas até esta quarta-feira.

Com a probabilidade de que, neste ano, haja mais frentes frias que as ocorridas no ano passado, a coordenação da campanha reafirma a importância da vacinação com antecedência. Segundo Erci Hirota, somente 15 dias após a vacina é que são criados anticorpos, o que torna o tempo da imunização importante. “Quanto antes vacinar, melhor”, afirma.

Atendimento - Para os idosos que estão acamados, a Sesau estará atendendo em suas residências e nos asilos com as equipes do PSF (Programa de Saúde da Família) e na área central. O pedido de atendimento pode ser feito pelo telefone 3314-3099. A gripe é uma doença infecciosa aguda, de natureza viral altamente contagiosa, que prejudica as funções respiratórias e tem maior ocorrência nos períodos de outono e inverno.

De acordo com a coordenadora da campanha, o vírus é disseminado pelas vias respiratórias e a transmissão é feita por meio de gotículas ao falar, espirrar ou tossir. Como o vírus sobrevive no meio ambiente, ou seja, nas mãos, tecidos e superfícies porosas por tempo variável, a transmissão pode acontecer por meio de contato em locais contaminados. Além da vacina, cuidados simples como lavar as mãos e arejar o ambiente são importantes para evitar a contaminação. Dependendo do estado de imunidade do idoso, a ausência de cuidados com a gripe pode apresentar desde uma forma clinicamente leve até mais complicada, podendo levar à morte”, explicou Erci.

O período de incubação, após o contágio, varia de um a quatro dias após a transmissão. Os sintomas mais comuns são febre, calafrios, cefaléia (dor de cabeça), mal-estar que predominam nos primeiros três dias. A rinite e a faringite também podem ocorrer. À medida que os sintomas sistêmicos diminuem, começam a predominar os problemas respiratórios, a dor de garganta, tosse seca, coriza e congestão nasal que podem permanecer por poucos dias, exceto em casos que complicam.

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
imagem transparente
Últimas notícias
Scroller Top
Terça, 12 de Dezembro de 2017
Segunda, 11 de Dezembro de 2017
20:42
Loteria
10:00
Receita do dia
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)