Cassilândia, Sábado, 10 de Dezembro de 2016

Últimas Notícias

15/04/2015 17:27

Vaccari pede afastamento e PT avalia prisão como desnecessária

Iolando Lourenço, Agência Brasil

 

A direção do PT considerou desnecessária a prisão do secretário de Finanças do partido, João Vaccari Neto, na manhã de hoje (15). Em nota assinada pelo presidente da legenda, Rui Falcão, o partido reafirmou confiança na inocência de Vaccari, “não só pela sua conduta à frente da Secretaria Nacional de Finanças e Planejamento, mas também porque, sob a égide do Estado Democrático de Direito, prevalece o princípio fundamental de que todos são inocentes até prova em contrário”.

Na nota, o PT informou que os advogados que estão cuidando da defesa de João Vaccari Neto estão apresentando um pedido de habeas corpus para que ele seja solto no menor prazo possível. Em outro trecho, o partido expressou solidariedade a Vaccari e sua família, reafirmando a confiança de que a verdade prevalecerá no final.


“A detenção de João Vaccari Neto é injustificada, visto que, desde o início das investigações, ele sempre se colocou à disposição das autoridades para prestar qualquer esclarecimento que lhe fosse solicitado. Convocado, prestou depoimento na Delegacia da Polícia Federal de São Paulo, em 5 de fevereiro desse ano. Além disso, na CPI da Petrobras, respondeu a todas as questões formuladas pelos parlamentares.”

No documento, o PT esclareceu que o pedido de afastamento da tesouraria do partido foi do próprio Vaccari. “Informamos que, por questões de ordem práticas e legais, João Vaccari Neto solicitou seu afastamento da Secretaria de Finanças e Planejamento do PT.”

João Vaccari foi preso na manhã de hoje, durante a décima segunda etapa da Operação Lava Jato da Polícia Federal. Ele é investigado por suspeita de receber propina em esquema de corrupção na Petrobras. Ele nega as acusações. O mandato contra o tesoureiro do PT é de prisão preventiva. Vaccari foi detido em sua residência em São Paulo.

* Colaborou Camila Boehm

Envie seu Comentário
Os comentários feitos no Cassilândia News são moderados. Antes de escrever, observe as regras e seja criterioso ao expressar sua opinião. Não serão publicados comentários nas seguintes situações:

1. Sem o remetente identificado com nome, sobrenome e e-mail válido. Codinomes não serão aceitos.
2. Que não tenham relação clara com o conteúdo noticiado.
3. Que tenham teor calunioso, difamatório, injurioso, racista, de incitação à violência ou a qualquer ilegalidade.
4. Que tenham conteúdo que possa ser interpretado como de caráter preconceituoso ou discriminatório a pessoa ou grupo de pessoas.
5. Que contenham linguagem grosseira, obscena e/ou pornográfica.
6. Que transpareçam cunho comercial ou ainda que sejam pertencentes a correntes de qualquer espécie.
7. Que tenham característica de prática de spam.

O Cassilândia News não se responsabiliza pelos comentários dos internautas e se reserva o direito de, a qualquer tempo, e a seu exclusivo critério, retirar qualquer comentário que possa ser considerado contrário às regras definidas acima.
Restamcaracteres.
 
Últimas notícias
Scroller Top
Sexta, 09 de Dezembro de 2016
Quinta, 08 de Dezembro de 2016
Scroller Bottom

  • Idalus Internet Solutions
  • TOP DataCenter e Internet
  • Disponível na AppStore
  • Disponível no Google Play
Rua Sebastião Leal, 845, CEP: 79.540-000, Cassilândia (MS)